Quarta-feira, 19 de Junho de 2019
TALENTO

Jovem com superdotação do AM descobre na natação um caminho de inclusão

Colecionando medalhas, Enzo Nathan, de 15 anos, possui indicativo de Altas Habilidades e Superdotação. Atleta se prepara para o Rio Negro Challenge



ATLETA-SUPERDOTADO_5FF9B15F-C204-42D0-8107-7234DDA36385.JPG Foto: Divulgação
01/05/2019 às 19:19

Encorajar a potencialidade de um ser humano não é uma tarefa fácil. O esporte, no entanto, é uma ferramenta capaz de contribuir para isto diariamente, não importando gênero, idade e condição social. Foi assim, despretensiosamente, mas com resultados impactantes, que a natação entrou na vida de Enzo Nathan, que possui indicativo de Altas Habilidades e Superdotação. Aos 15 anos de idade, ele pratica a modalidade há seis, e no dia 19 de maio vai provar todo seu talento ao encarar a mais importante prova de águas abertas da região Norte, o Rio Negro Challenge. 

Segundo a Organização Mundial de Saúde, 3% a 5% da população brasileira  é portadora de altas habilidades. Essa classe, assim, tem um desenvolvimento acelerado das funções cerebrais e precisa canalizar seu talento. No caso de Enzo, a potencialidade foi descoberta através da família, que identificou uma elevada habilidade motora para esculturas com massinha de modelar, e a facilidade de deslocamento por meio de movimento na água, que no caso se materializa por meio da natação. Através destas duas tarefas, o jovem consegue perceber os estímulos e responder a eles com alta técnica.

“Quando colocamos o Enzo na natação, ele tinha nove anos, e já desenvolveu. Se federou logo em seguida, foi campeão do circuito de Aspirantes na categoria infantil II de 2017, recebendo o troféu Mérito Aquático Waldir Oliveira, e coleciona várias medalhas. O diagnóstico dele veio através da família, nossas percepções nos ajudaram, pois no início ele foi diagnosticado por um médico com TDH ( Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade). Mas não é isso que ele tem. Ele tem alta habilidade para artes e precisa empregar esse talento em algo e de forma enriquecedora. Quando isso não é descoberto, nada leva ao interesse, tudo é chato, a aula é chata, o professor é chato, a atividade é chata. E a natação foi encontrada por ele e despertou uma habilidade enorme”, contou a mãe do nadador, Maria Ednir.

A mãe, aliás, faz questão de acompanhar o filho em todos os treinos, juntamente com o marido, Francisco José Nunes. Os dois sempre apoiaram Enzo e deram força ao atleta para participar do Rio Negro Challenge. Essa será a terceira vez que Enzo vai encarar o desafio. Ano passado, ele completou os 1,5km, conquistando o terceiro lugar na primeira edição e a primeira colocação na segunda edição do evento. Desta vez, os 2km é que estarão no páreo.

“Já participei duas vezes ano passado. Fiquei em terceiro como estreante e em primeiro lugar na segunda edição. Agora vou fazer os 2km e na segunda etapa quero dobrar e realizar os 4 km. Para me preparar bem, treino quatro vezes na semana na piscina, fazendo de 3 a 4km, e no final de semana treino no Rio Negro. Esse contato com a natureza é importante para mim, pois inspira e incentiva muito”, disse Enzo.

Diante da imensidão do Rio Negro, o estudante do primeiro ano do CMPM IV Áurea Pinheiro Braga (Zona Leste), ainda faz uma revelação: seu projeto de vida é poder chegar numa Olimpíada. “Quero esse esporte para a vida e, se Deus quiser, participar um dia das Olimpíadas. É para isso que vou me dedicar, e tenho como maior incentivo a figura do César Cielo. Gosto muito da história e conquistas dele”, ressaltou o atleta, sem medo de mergulhar em busca dos sonhos.

Naahs

No Amazonas, segundo dados de 2017, um total de 12 crianças e adolescentes são considerados com talentos surpreendentes para sua faixa etária. Eles participam do projeto Núcleo de Altas Habilidades e Superdotação (Naahs) e Enzo Nathan faz parte desta ação do Ministério da Educação (MEC).

Aos quatro anos, Enzo já utilizava massa de modelar para fazer seus próprios brinquedos. Atualmente, o jovem dedica horas do dia modelando e criando novos brinquedos e decoração.

Mestra e doutora em educação e especialista em gestão de instituições educacionais pela Universidade Católica de Brasília, Olzenir Ribeiro, diz que os desafios na educação dos estudantes com altas habilidades são inúmeros e se dividem, principalmente, entre a família e a escola. “O mais sério, instigante, provocante, e que vem causando maiores problemas na educação escolar, é a identificação pelo professor do perfil desse aluno, pela capacidade rápida de aprendizagem”, observa. Já na família, o que mais angustia os pais é a intensa curiosidade dos filhos superdotados e a não aceitação de rotinas. 

Prova

O Rio Negro Challenge acontece na praia da Ponta Negra dia 19 de maio. Pela Maratona Aquática, a partir das 7h, os atletas disputarão individualmente os trajetos de 2km, 4km ou 6km. Todas as provas são diferentes das demais edições.

As inscrições para todas as provas do Rio Negro Challenge podem ser feitas pela internet neste link até o dia 13 de maio.

*Com informações da assessoria de imprensa.

Receba Novidades

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.