Segunda-feira, 17 de Fevereiro de 2020
Craque

Lais Souza receberá pensão vitalícia da Previdência Social

A decisão foi divulgada nesta terça-feira (13) no Diário Oficial da União. A ginasta, que ficou tetraplégica após acidente de esqui, receberá o equivalente ao teto do INSS



1.jpg Lais Souza ficou tetraplégica após sofre acidente de esqui se preparando para os jogos de Inverno da Russia, com a Seleção Brasileira.
13/01/2015 às 11:52

Quase um ano após o acidente que deixou a atleta Laís Souza tetraplégica, foi publicada hoje (13) no Diário Oficial da União a concessão da pensão especial, mensal e vitalícia à ex-ginasta. De acordo com o texto, ela receberá R$ 4.390, valor equivalente ao teto da Previdência Social.

Laís sofreu uma lesão na medula no dia 27 de janeiro do ano passado, quando treinava na cidade norte-americana de Salt Lake City para as competições de esqui aéreo na Rússia. A atleta perdeu todos os movimentos do pescoço para baixo e ficou tetraplégica.



Ela também já fez parte da equipe olímpica de ginástica e defendeu o Brasil em diversas competições internacionais.

Em 17 de dezembro último, foi aprovado um projeto de lei no plenário do Senado estabelecendo que a ex-ginasta deveria receber o benefício. O projeto foi proposto pela deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP), conhecida por atuar em pautas relacionadas aos direitos de pessoas com deficiência.

Ela justificou a concessão da pensão com base no fato de que Laís representava o Brasil no momento em que se acidentou e precisa dos recursos como forma de subsistência a partir de agora.

Apesar de ter se machucado quando treinava para as competições de esqui aéreo na Rússia, Laís também já fez parte da equipe olímpica de ginástica e defendeu o Brasil em diversas competições internacionais.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.