Domingo, 17 de Janeiro de 2021
FUTEBOL

Manaus bate Imperatriz no Maranhão e encerra participação na Série C 2020

Reginaldo Júnior marcou para o Cavalo de Aço no primeiro tempo; Rennan e Simionato marcaram os gols da remontada na etapa final



130241050_10224683687944128_5921100233357180023_o_12406564-1BA7-465D-817A-6AF44545B732.jpg Foto: Vagner Grigorio/Imperatriz
05/12/2020 às 18:20

Sem chances de classificação, o Manaus garantiu a sua segunda vitória fora de casa ao vencer o Imperatriz-MA na tarde deste sábado (5), pelo placar de 2 a 1, no estádio Frei Epifânio, na última rodada da primeira fase da Série C. Reginaldo Jr marcou para o Cavalo de Aço aos 18 minutos do primeiro tempo, Rennan empatou aos seis do segundo e Simionato fez o da virada logo em seguida, aos oito minutos.

Com o resultado, o Gavião do Norte chegou aos 26 pontos e garantiu a quinta colocação do grupo A e, de quebra, a 10° posição da classificação geral. O Cavalo de Aço encerrou sua melancólica campanha na Série C sem vencer nenhuma partida, somando apenas um ponto e perdendo 17 partidas.



Primeiro tempo

Com espaço para trabalhar a bola, o Manaus começou impondo mais volume nos primeiros minutos de partida, se aproveitando que o Cavalo de Aço permitia algumas perdas na saída de bola. Mas quem abriu o placar foi a equipe da casa, após Reginaldo Júnior tabelar na entrada da área com Judson, recebeu de frente com Jonathan e colocou a bola no canto esquerdo do arqueiro.

Após levar o gol, o Manaus foi ao ataque. Depois de jogada pelo lado esquerdo, Panda finalizou da entrada da área, mas a bola foi para fora. A melhor oportunidade foi aos 23 minutos, quando Rossini recebeu dentro da área, sem marcação, finalizou de chapa, mas a bola pegou na trave e foi pra fora.

Sem conseguir infiltrar na defesa do Imperatriz, o Gavião do Norte passou a arriscar algumas chutes de média e longa distância. Aos 34, Carrilho ganhou no pé de ferro, conduziu pelo centro e mandou o petardo, a bola passou perto do gol de Jairo. Um minuto depois, aos 35, Rennan levou pelo lado esquerdo, finalizou de fora, mas a bola acabou saindo sem direção.

Segundo tempo

Na volta do intervalo, Souza Brito realizou duas substituições: sacou Jonathan e colocou Gleibson; tirou o amarelado Cesinha e promoveu a estreia de Jack Chan na Série C. E logo aos seis minutos, após bola levantada na área, Rennan cabeceou pra baixo, Jairo espalmou, mas a bola sobrou nos pés do próprio lateral, que mandou pro gol, ainda contando com um desvio na defesa antes de a bola morrer no fundo das redes.

E já no lance seguinte, aos oito minutos, Paulinho Simionato chutou de fora da área, Jairo falhou e o Manaus conseguiu alcançar a virada. Aos 18, Jack Chan fez boa jogada individual pelo lado direito, tocou para Rossini na entrada da área, que tocou de letra para Simionato, o atacante finalizou com perigo, mas Jairo espalmou para escanteio.

Mesmo com o resultado favorável, o Manaus ainda seguiu tendo as melhores oportunidades. O meia-atacante Jandy teve pelo menos duas oportunidades de ampliar o placar, uma aos 26, quando o jogador esmeraldino acabou finalizando pra fora e, aos 31, depois de boa jogada individual pela direita, avançando para dentro da área, mas com pouco ângulo, a finalização acabou saindo pelas redes do lado de fora de Jairo.

Ficha Técnica: Imperatriz-MA 1 x 2 Manaus FC

Local: Frei Epifânio

Data: 5 de dezembro de 2020, sábado

Horário: 16h

Árbitro: Alino Silva da Paixão

Gols: Reginaldo Jr (18', 1°), Rennan (6', 2°), Simionato (8', 2°)

Cartões amarelos: Manaus; Cesinha, Patrick Borges e Panda

Imperatriz-MA: Jairo; Tomas, Douglas, Ramon e Wesley; Lorran, Amparo, Blaise; Cabolinha, Judson e Reginaldo Jr

Técnico: Jairo N.

Manaus FC: Jonathan (Gleibson); Cesinha (Jack Chan), Ramon, Patrick Borges e Rennan; Panda (Jandy), Carrilho, Edvan, Rossini; Philip e Simionato

Técnico: Souza Brito

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.