Publicidade
Esportes
inédito no norte

Manaus conquista vaga para sediar partidas da Superliga Feminina de Vôlei

Ainda não há definição sobre quais jogos irão acontecer na cidade - definição sai em 20 dias. Arena Amadeu Teixeira será a sede oficial em Manaus 16/09/2016 às 10:29 - Atualizado em 16/09/2016 às 10:57
Show vol sesi brasilia lucasdantas sesi div 9
Há a expectativa de que a cidade receba grandes estrelas do voleibol mundial, como a central Fabiana Claudino, do Sesi / Foto: Divulgação
acritica.com* Manaus (AM)

Manaus vai sediar pela primeira vez a principal divisão do torneio nacional de vôlei, a Superliga Feminina. O anúncio foi feito pelo titular da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), Fabricio Lima, na manhã desta sexta-feira, dia 16. O compromisso foi acordado durante reunião do titular da pasta com o vice-presidente da Associação Atlética São Caetano, Marcel Camilo, em São Paulo, durante a tarde desta quinta-feira, 15.

Em Manaus desde as primeiras horas desta sexta, Lima explica que a oportunidade do evento surgiu após a visita de Marcel à cidade, quando o mesmo veio acompanhar o campeão olímpico, Arthur Zanetti, na palestra em homenagem ao Dia do Profissional de Educação Física, dia 1º de setembro. “Conversando com o Marcel no dia da palestra do Zanetti, ele comentou que seria interessante a Superliga vir a Manaus. Na mesma hora, não desperdicei, e comecei a amadurecer a ideia com ele. Combinei de encontrá-lo em São Paulo esta semana para afinar o projeto e, graças ao Papai do Céu, posso dizer que esta será a primeira vez que a Região Norte receberá o torneio principal”.

Ainda segundo Lima, ainda não é possível revelar os times que estarão na Cidade, mas os jogos devem ocorrer entre outubro ou novembro deste ano e em fevereiro de 2017. As partidas acontecerão na Arena Poliesportiva Amadeu Teixeira, localizada na Rua Lóris Cordovil, bairro Flores, zona Centro-Sul e Manaus. “Por questões contratuais ainda não podemos dizer quem vem jogar aqui, mas com certeza teremos vários ídolos em quadra e não tenho dúvidas que a população vai aderir às competições e comparecer em massa ao evento. Devemos, inclusive, receber duas partidas e isso vai valorizar nosso esporte, nossa economia, cultura e Cidade de um modo geral”, comentou Lima.

De acordo com Marcel Camilo, a divulgação das datas dos jogos e times deve ocorrer em 20 dias. “Estamos muito entusiasmados com Manaus, acompanhei o jogo da Seleção Brasileira aí, prestigiei a palestra do Zanetti, assisti a clínica do Marcos Goto (técnico do medalhista de Ginástica), e percebi o quanto os amazonenses são empolgados com os eventos esportivos. Por isso, desde já, tenho certeza que a Capital foi uma ótima escolha e que as competições serão um sucesso. Em breve, iremos dar mais detalhes sobre a Superliga”, afirmou.

Superliga Feminina

A Superliga Feminina é a Série A do torneio nacional de vôlei. Desde a temporada 2009/2010, a forma de disputa tem sido com uma fase classificatória em pontos corridos, turno e returno, quartas-de-final definidas em série melhor de três, semifinais em melhor de cinco e final em jogo único. O campeão ganha o direito de disputar o Campeonato Sul-Americano de Clubes.

Times participantes

- Vôlei Bauru
- Concilig/Vôlei Bauru

- São Caetano EC
- São Cristóvão Saúde/São Caetano

- SESI-SP
- SESI São Paulo

- Rio do Sul Vôlei
- Rio do Sul/Equibrasil

- Rio de Janeiro VC
- Rexona Ades Rio

- Praia Clube
- Dentil Praia Clube

- Osasco VC
- Vôlei Nestlé Osasco

- Minas Tênis Clube
- Camponesa/Minas

- IAV Brasília
- Brasília Vôlei

- EC Pinheiros
- EC Pinheiros

- CC Valinhos
- Renata/Valinhos Country

- AAD São Bernardo
- São Bernardo Vôlei

*Com informações de assessoria

Publicidade
Publicidade