Publicidade
Esportes
BAREZÃO 2019

Manaus perde pênalti nos acréscimos e empata com Rio Negro na Arena da Amazônia

Com o resultado, Gavião do Norte foi a sete pontos no campeonato e o Rio Negro a dois 21/02/2019 às 22:28 - Atualizado em 21/02/2019 às 22:33
Show whatsapp image 2019 02 21 at 22.19.55 6bc0fed9 77f3 48e4 a890 978b4287b252
Foto: Antônio Lima
Jéssica Santos Manaus (AM)

Rio Negro e Manaus FC empataram em 2 a 2, em partida animada do Barezão, na noite desta quinta (21), na Arena da Amazônia, Zona Centro-Sul. Os gols do jogo foram marcados por Soeiro e Brendo (Rio Negro), e Jean Carlos e Martony (Manaus). Com o resultado, o Manaus foi a sete pontos no campeonato e o Rio Negro a dois, assim como o Iranduba.

Na próxima rodada, a quinta do Barezão, as duas equipes entrarão em campo no domingo (24). O Rio Negro enfrenta o Penarol, às 16h, no Estádio Ismael Benigno, e o Manaus irá a Manacapuru enfrentar o atual líder Princesa, no Gilbertão.

A partida

O Manaus FC começou no seu campo de ataque, mas a primeira grande chance do jogo foi do Rio Negro, aos 7 minutos, quando Renan recebeu a bola pela direita, de frente para o gol, mas o árbitro marcou o impedimento.

Aos 13, o time alvinegro teve nova chance na bobeada do adversário, que reclamava uma falta pela esquerda. Enquanto isso, Maxsuel ficou com a bola e passou para Renan, novamente, tentar o chute, sem sucesso na finalização.

Em seguida, o Rio Negro permaneceu no ataque com Maxsuel, que lançou para Soeiro, que vinha pelo meio, correr em velocidade para a grande área, mas a zaga do Manaus evitou o chute.

Aos 28 minutos, é marcada uma cobrança de falta perigosa a favor do Gavião, bem perto e de frente para a área. Luís Henrique cobrou, mas a bola passou à esquerda do gol.


Manaus e Rio Negro fizeram duelo movimentado. Foto: Antônio Lima

As duas equipes tentavam armar jogadas, mas não encontravam o caminho, até que aos 42 minutos, Hamilton teve oportunidade de finalizar para o Manaus, quando recebeu a bola pela esquerda na grande área, mas demorou a chutar, e a zaga do Galo tirou o perigo.

No último minuto dos acréscimos, o Rio Negro veio para o ataque novamente pela esquerda com Maxsuel, que foi até a linha de fundo, entrou na grande área, e deu belo passe para Soeiro, que chutou para marcar o primeiro gol da partida. 1 a 0 Galo.

O segundo tempo começou no mesmo ritmo que terminou o primeiro. Logo aos dois minutos, é marcada falta para o Manaus no canto esquerdo, Negueba cobra com perfeição para Jean Carlos cabecear e marcar o gol dele no jogo, deixando tudo igual. 1 a 1.

Aos seis minutos, nova oportunidade para o Manaus, de escanteio. Negueba cruza e Martony recebe sozinho para marcar de cabeça, e virar o placar. 2 a 1 Gavião.

Aos 16, o Rio Negro reage, vem para o ataque com Soeiro, que finaliza com um chute da entrada da grande área, mas o goleiro Jonathan defende e, logo em seguida, Bombado tenta de longe, também sem sucesso, pois a bola passa à direita do gol.

Aos 21, nova chance para o Rio Negro, com Soeiro, de bola cruzada, mas o arqueiro do Manaus defende novamente.  Aos 31, nova chance para o Galo pela direita, dessa vez com Jardel, que tenta de longe e quase acerta o gol, mas a bola sai raspando pela esquerda.

O Rio Negro seguia buscando o empate e, aos 38 minutos, após ser marcada uma falta sobre Soeiro, Brendo, que tinha entrado há pouco, cobrou chutando certeiro para o gol - tudo igual de novo, 2 a 2.

Aos 46, é marcado o pênalti para o Manaus, após Vitinho ser derrubado na área, mas Martony mandou a bola para arquibancada. Após a cobrança, o Manaus ainda teve duas chances de vencer a partida, mas não conseguiu.

Publicidade
Publicidade