Domingo, 26 de Maio de 2019
Jogos Universitários

Manaus sediará Liga do Desporto Universitário, e Jiu-Jítsu entra para os Jogos

Após receber um evento da Confederação Brasileira de Desporto Universitário (CBDU) em 2016, Manaus está novamente no calendário esportivo da entidade



_ASL4547.JPG
Jiu-jitsu vai fazer parte dos Jogos Brasileiros Universitários no ano de 2017. (Foto: Mauro Neto/Sejel e CBDU)
27/01/2017 às 15:44

Manaus sediará no final de 2017 a Liga do Desporto Universitário de Jogos de Praia (LDU). A confirmação foi dada pelo titular da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), Fabricio Lima, na manhã desta sexta-feira (27), após conversa com o presidente da CBDU, Luciano Cabral. O Secretário ainda anunciou que o Jiu-Jítsu será implementado aos Jogos Brasileiros Universitários deste ano (Jubs).

Com apoio do Governo do Amazonas, a LDU de Jogos de Praia deve ocorrer de 21 a 25 de novembro, na Ponta Negra, com a disputa de cinco modalidades: Beach Rugby, Vôlei de Praia, Futevôlei, Handbeach (handebol de praia) e Beach Tennis. A expectativa é que quase 700 atletas participem da competição, sendo que 80 representarão o Amazonas. Isso porque, a seletiva para a LDU ocorreu em Manaus em setembro de 2016, com os Jogos de Verão Estadual.

“Desde ano passado, pleiteamos a vinda da LDU para Manaus e receber essa confirmação foi algo maravilhoso. Teremos aqui atletas do País inteiro, muitos deles que não conhecem o Amazonas, e que com certeza vão se apaixonar pelo nosso clima, cultura, comida e costumes. Além disso, acredito que vamos estimular a prática de alguns esportes no Estado e mostrar os talentos da nossa terra. Só tenho a agradecer pela confiança da CBDU”, disse o titular da Sejel, Fabricio Lima.

Para a presidente da Federação Amazonense Universitária de Desporto (FAUD), Lilian Valente, a vinda da LDU para Manaus consagra a capital amazonense como uma boa opção para esportes de praia, uma vez que até hoje, apenas cidades do Nordeste receberam a competição.

 

Os jogos de praia da Liga de Desporto Universitário acontecerão em Manaus. (Foto: Mauro Neto/Sejel e CBDU)

“Manaus já mostrou que tem um grande potencial de estruturas esportivas para realizar qualquer evento, haja vista a LDU de Lutas, que fizemos ano passado, a Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos, que vieram para a cidade. A Ponta Negra hoje já recebe vários eventos de praia, como vôlei de praia, futevôlei e beach hand. Ou seja, tem tudo para dar certo”, disse.

Ainda segundo Lilian, o evento na capital vai ser uma ótima oportunidade para o Amazonas obter excelência nos resultados. Até hoje, a melhor colocação do Estado foi o quarto lugar no vôlei de praia, na LDU do ano passado, com a dupla Wesley Oliveira e Sander Santos.

“A Federação vem desde 2015 realizando competições a nível de areia para movimentar, incentivar e massificar as modalidades de praia, que não contavam com uma participação expressiva do estado. Tenho certeza que o Amazonas poderá se destacar nos resultados este ano e bater a melhor posição que já tivemos hoje pela LDU, que foi o quarto lugar pelo vôlei de praia, com os atletas Wesley Oliveira e Sander Santos. Teremos muito a comemorar, principalmente em relação ao legado”, destacou.

Jubs terá Jiu-Jítsu

Jiu-jitsu entra para os esportes disputados nos Jogos Universitários. (Foto: Mauro Neto/Sejel e CBDU)

Em reunião com o presidente da CBDU, Luciano Cabral, em Brasília, o secretário de esporte do Amazonas, Fabricio Lima, ainda anunciou que o Jiu-Jítsu será implementado aos Jogos Brasileiros Universitários deste ano (Jubs). A campanha para que a Arte Suave fizesse parte do evento nacional iniciou ano passado, quando a modalidade passou a fazer parte dos Jogos Universitários do Amazonas (Juas).

“Desde o ano passado, estamos juntos a CBDU fazendo campanha para que um dos principais esportes da região Norte, o Jiu-Jítsu, pudesse fazer parte do Jubs. Desta forma, nosso primeiro passo foi oferecer no Juas a arte suave, uma modalidade em que o Amazonas é referência e detém muitos talentos. Tenho certeza que este novo esporte vai trazer bons resultados para o Amazonas e sou grato à Confederação por ter enxergado o quanto este esporte é valioso para nós e para o País inteiro”, destacou Lima.

LDU de LUTAS e Futebol 7 / 2016

Ano passado, Manaus recebeu tambem uma edição da Liga do Desporto Universitário (LDU), sendo de Futebol 7 e de Lutas. O evento reuniu um total de 430 atletas, sendo 230 em campo e 200 pelo Karatê, Judô e Taewkondo. O Amazonas deixou boa impressão aos 17 estados que passaram pela Capital, mostrando competitividade e boa receptividade. 

Na ocasião, o Amazonas fechou LDU de Lutas com o saldo de 30 medalhas e três troféus, sendo terceiro lugar geral feminino Judô, segundo lugar geral Taekwondo feminino e terceiro lugar no Judô por equipe feminino. 

Pelo Futebol 7, categoria feminina, a UNIP-SP sagrou-se campeã, após somatório de pontos no sistema de rodízio simples. A equipe da UNB-DF levou a prata e a UFRN-RN ficou com o bronze. No masculino, a UFRN-RN levou a melhor, a UFC-CE ficou em segundo lugar e UNIP-SP levou a terceira colocação.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.