Publicidade
Esportes
MODALIDADE

Marcelo Campbell disputa US Open de Judô neste sábado (28) nos Estados Unidos

Marcelo vai enfrentar judocas de vários países das Américas. Ele estudou o judô dos americanos para não ser pego de surpresa 27/07/2018 às 14:14 - Atualizado em 27/07/2018 às 14:20
Show marcelo 1
O judoca amazonense conquistou ótimos resultados no ano passado, incluindo o Sul-americano de Judô, e agora visa mais vitórias internacionais. (Foto: Márcio Silva/A crítica)
Jéssica Santos Manaus (AM)

Marcelo Campbell, 17, um dos principais judocas do Amazonas, está nos Estados Unidos para disputar o US Open de Judô, que vai acontecer em Fort Lauderdale, na Flórida. A disputa da sua categoria (Sub-21) será neste sábado (28).

Marcelo fez parte da Seleção Brasileira, foi campeão Sul-Americano e liderou o ranking Sub-18, no ano passado. Este ano tudo mudou: ele passou a competir na classe Sub-21, não conseguiu vaga na Seleção, mas conta que não pode ficar distante das competições internacionais.

“Esse é um campeonato bom, com atletas de vários países das Américas, e para mim será excelente porque este ano eu não tive chance de ir ao circuito na Europa, então o campeonato acabou se tornando um meio de entrar nesse circuito de competições internacionais”, ressalta ele.

Em 2018, Marcelo conquistou bons resultados, e seu técnico, Aron Oliveira, aposta no US Open como preparação para os próximos desafios.

“A nossa meta é ir pra esse campeonato e adquirir um pouco mais de experiência, um pouco mais de rodagem mesmo para, no final do ano, na seletiva nacional, a gente conseguir colocá-lo de volta na seleção”, destaca o técnico. Marcelo concorda. “As viagens ajudam a gente a nos manter no ritmo de competição. A ideia é estar sempre no topo”.

Números:

3 Resultados - importantes, teve Marcelo neste ano. Ele foi terceiro lugar no Campeonato Brasileiro Juvenil Sub-21; foi campeão do Brasileiro Regional, no Amazonas, Sub-21, e segundo lugar na categoria Sênior.

Frases:

"É importante pra gente que o Marcelo esteja sempre adquirindo experiência e confiança".

Aron Oliveira, técnico.

"Após o Brasileiro, segui treinando constantemente, e agora com intensidade para chegar forte ao campeonato",

Marcelo Campbell,   judoca da Fort Judô.

Publicidade
Publicidade