Publicidade
Esportes
Craque

Mesmo com forte chuva, diretoria do Naça comemora lucro na Arena

Diretoria do Nacional agradeceu a movimentação da torcida nacionalina que compareceu à Arena da Amazônia mesmo com o temporal que desabou sobre a capital amazonense no horário da partida pela Copa Verde 23/02/2015 às 19:27
Show 1
Diretoria do Naça lucrou R$ 14,5 mil com jogo da Copa Verde na Arena da Amazônia.
ACRITICA.COM Manaus (AM)

A diretoria do Nacional divulgou nesta segunda-feira (23) o borderô da partida de volta da Copa Verde contra o Vilhena–RO, na Arena da Amazônia. Foram 2015 pagantes e uma renda R$ 61.540,00, sendo que 953 torcedores compraram a meia-entrada e 1062 espectadores adquiram o ingresso inteiro. Tentando cortar os altos custos do estádio multiuso construído para receber a Copa do Mundo, os dirigentes nacionalisnos entraram em acordo com a Fundação Vila Olímpica (FVO) e utilizou apenas um setor das arquibancadas do anel inferior.

Foram disponibizados  10 mil ingressos para a torcida do Naça que mesmo debaixo de muita chuva compareceu para apoiar a equipe na classificação às oitavas de final da Copa Verde. Segundo a FVO, o público presente foi de 2.328, o que aponta que 312 pessoas não pagaram para assistir o Leão da Vila avançar no torneio.  

Mesmo assim, a diretoria do Naça teve lucro de R$ 14,5 mil com a partida. As despesas com o quadro móvel da Arena beiraram os R$ 47 mil, justamente um dos motivos pelos quais os dirigentes do clube nacionalino pretendem tirar todos os jogos do Campeonato Amazonse deste ano do estádio, a começar pelo clássico com o Rio Negro. O RioNal que marca a estreia de ambas as equipes no Estadual foi transferido para o estádio da Colina, na Zona Oeste de Manaus. 

Publicidade
Publicidade