Quarta-feira, 19 de Fevereiro de 2020
Mesmo sem apoio

Mesmo sem apoio, pilotos do AM sagram-se campeões brasileiros de bicicross, em SP

Fabrício Melo e Fábio “Pesca” meteram a cara e pagaram do próprio bolso a passagem só de ida para a competição. Agora, eles tentam voltar para casa



show_show_20160310084129.jpg A dupla de pilotos luta para conseguir dinheiro a fim de pagar a passagem de volta para o Amazonas (Foto: Evandro Seixas)
07/11/2016 às 19:04

Depois de mais de uma década, o Amazonas voltou a ter não um, mas dois campeões brasileiros de bicicross. E os responsáveis por essa conquista são os pilotos amazonenses Fábio “Pesca” Alves, 31, e Fabrício Souza, 28, que se tornaram vencedores da 3ª etapa do Campeonato Brasileiro de Bicicross, disputado neste final de semana em Jarinu, cidade do interior de São Paulo.

Em disputa acirrada, Fábio “Pesca” ficou em segundo em sua bateria e, com a soma dos pontos das etapas anteriores – em Goiânia no mês de março, e em Feira de Santana, em junho –, ficou com o título na Man (entre 30 a 39 anos). Por outro lado, Fabrício Melo não deu moleza para os adversários e ficou com o primeiro lugar geral na categoria Expert (entre 25 a 29 anos) se tornando campeão brasileiro também.



Na cara e na coragem

As conquistas de “Pesca” e Melo se tornam ainda mais empolgantes quando se conhece as dificuldades que a dupla enfrentou para realizar o sonho de se tornarem campeões brasileiros de bicicross. Sem apoio, os dois pilotos ralaram muito para conseguir comprar as passagens para defender suas posições no ranking nacional e trazer o título para o Amazonas.

Mas não pensem que os problemas acabaram quando eles receberam as medalhas no alto pódio. Mostrando amor ao esporte que praticam, a dupla comprou passagem apenas de ida para a disputa no interior de São Paulo.

Agora tanto “Pesca” como Melo pedem apoio para voltar para casa e com os troféus do Brasileiro de Bicicross na bagagem. “Metemos a cara mesmo. Comprei minha passagem parcelada no cartão de crédito porque sabia que seria campeão e queria muito trazer esse título para o bicicross do Amazonas. Agora pedimos um pouco de reconhecimento para nos ajudar a comprar as passagens de volta”, comentou Fábio Pesca, campeão brasileiro de bicicross.

“Só nós sabemos os problemas que enfrentamos para chegar até aqui. Estou muito feliz pelo título e espero que essa conquista sirva de incentivo para que olhem com mais carinho pelo bicicross do nosso Estado”, pontuou o também campeão brasileiro Fabrício Melo.

Apelo por ajuda

Os problemas da dupla amazonense, campeã brasileira de bicicross, não acabaram com a conquista do título em São Paulo. Sem apoio para comprar as passagens de volta, os pilotos locais pedem ajuda para voltar para casa. Quem puder ajudar pode entrar em contato com Fábio Pesca (92) 99333-3955.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.