Publicidade
Esportes
Craque

Mirassol goleia Palmeiras por 6x2

O time Mirassol jogava em casa e colocou o time do Palestra Itália na roda, aniquilando com a equipe palmeirense ainda no primeiro tempo. 27/03/2013 às 20:08
Show 1
Mirassol termina com invencibilidade de um mês do Palmeiras
acritica.com Manaus (AM)

O Palmeiras perdeu de goleada para o Mirassol na noite desta quarta-feira (27), pela 15º rodada do Paulistão, no estádio José Maria de Campos Maia, na cidade de Mirassol.

Foram simplesmente seis gols sofridos pelo time do Palestra, na que é a maior goleada da rodada entre todos os estaduais até este momento. 6x2

O Mirassol vinha de um momento ruim no Paulistão, mas não quis saber se estava jogando contra um time grande e colocou o Palmeiras na roda.

O Verdão não perdia uma partida sequer há um mês. Mas tomou um gol logo no início da partida e teve que se abrir para o ataque, abrindo espaços para os contra golpes do Mirassol. Foi fatal.

1º tempo

O pesadelo palmeirense começou logo no primeiro minuto da partida, quando o zagueirão Marcos Vinicius cabeceou dentro de sua área e marcou um gol contra. Mirassol 1x0 Palmeiras.

Jogando em casa, o Mirassol pôs pressão em cima do Palmeiras e aos 9 minutos, ampliou o placar com Caion, que aproveitou o vacilo de Marcos Vinicius e chutou certeiro contra Fernando Prass. Mirassol 2x0 Palmeiras

E a goleada começou a se desenhar quando dois minutos depois quando Caion partiu oara o contra ataque e com categoria encobriu Fernando Prass adiantado. Mirassol 3x0 Palmeiras.

O Palmeiras tentou esboçar uma reação aos 23 minutos, quando Ronny cruzou para Caio, que mesmo marcado por dois defensores mandou para dentro da rede. Mirassol 3x1 Palmeiras.

Aos 30, Ronny tenta duas vezes e vence o goleiro Gustavo na segunda tentativa, gol do Palmeiras. Mirassol 3x2 Palmeiras

Em cobrança de falta perfeita, Leomir faz o quarto gol do Mirassol aos 39 minutos. Fernando Prass ainda chegou a ir na bola, mas não alcançou. Mirassol 4x2 Palmeiras.

Medina ganhou a corrida contra Juninho, se livrou da marcação e, aos 42 minutos, encobriu o goleiro Fernando Prass, novamente adiantado. Mirassol 5x2 Palmeiras.

Ainda teve tempo para mais um gol do Mirassol no fim da primeira etapa. Aos 46 minutos, avançando em um contra ataque rápido, Camilo, livre, leve e solto, invadiu a grande área palmeirense e mandou para o fundo do gol. Mirassol 6x2 Palmeiras.

2º tempo

Aparentemente satisfeito com o placar, o Mirassol deu um tempo em suas investidas contra o gol palmeirense e a partida se torna muito mais calma que o ritmo alucinante da primeira etapa.

O Palmeiras tentou correr atrás do prejuizo, mas encontrou um adversário fechado no campo de defesa que não se expôs e nem um instante. Fim da partida.

Escalação

Mirassol: Gustavo, Pio, André Luis, Medina, Augusto, Gian, Alex Silva, Leomir, Diogo, Camilo, e Caion. Técnico: Ivan Baitello.

Palmeiras: Fernando Prass, Weldinho, André Luiz, Marcos Vinicius, Léo Gago, João Denoni, Juninho, Charles, Ronny, Márcio Araújo, Wesley, Leandro. Técnico: Gilson Kleina.

Arbitragem: Vinicius Gonçalves Dias Araújo, Alexandre Basílio Vasconcellos (bandeirinha) e Leonardo Schiavo Pedalini (bandeirinha).



Publicidade
Publicidade