Sábado, 16 de Novembro de 2019
Copa Verde 2019

Nacional e Humaitá-AC fazem duelo no jogo de ida da fase preliminar da Copa Verde

As duas equipes conseguiram vaga na competição regional após desistência de outros clubes. Jogo ocorre hoje, às 20h (horário de Manaus), em Rio Branco



Aderbal_Lana_Nacional_Copa_Verde_0DB92CE9-73C8-462D-B8A7-9C3D3F35DF58.jpg Foto: Jair Araújo
24/07/2019 às 17:05

Um duelo de ineditismo e peso é o que prometem Humaitá-AC e Nacional, hoje  (24), às 20h (horário de Manaus), na Arena da Floresta, em  Rio Branco (AC). A partida entre o “Tourão” (apelido do Humaitá) e Leão é válido pelo  jogo de ida pela fase preliminar da Copa Verde 2019 e, além de nunca ter  se enfrentado na história, a dupla tem outra coisa em  comum: ambos herdaram a vaga no torneio  interestadual após a desistências de outros clubes. 

No Leão da Vila Municipal, o meia Marcelinho Araxá também está vivendo tudo pela primeira vez no clube, como o fato de disputar um campeonato regional ao lado do treinador Aderbal Lana, que comandou o pai dele, Marcelo Araxá, no épico São Raimundo do fim dos anos 1990. Apesar do sobrenome significativo pro futebol amazonense, Marcelinho prefere deixar toda a representação dos Araxá para o torcedor, para a pressão não tomar conta na hora do jogo.



“Essa questão do nome Araxá estar de volta ao Estado é o peso que eu vou carregar, mas espero não levar isso pra dentro de campo, porque quanto mais ansiedade e peso a gente levar, menos rendimento a gente vai ter. Então deixa esse lado para o torcedor amazonense, porque eu quero mais poder dar o meu melhor dentro de campo”, pontuou o meio campo do Naça.

Marcelinho Araxá destacou a confiança do grupo, apesar de ter como desafio pela frente um adversário desconhecido. “Que a gente possa fazer uma melhor partida possível, nós temos uma boa equipe, os treinamentos foram muito intensos. A gente vai começar de igualdade com todos, é uma competição de mata-mata, a gente encara cada jogo como uma decisão, e vamos pegar um adversário que ainda não conhecemos bem”, declarou.

Reforço para o Nacional na Copa Verde, o centroavante Marco Aurélio (Ex-Barcelona-RO) teve uma passagem ruim em 2009 pelo clube amazonense, e retorna após dez anos com o objetivo de dar a volta por cima e ajudar o Naça a avançar na Copa Verde.

“Tive uma passagem não muito boa em 2009, em que a gente não conseguiu o acesso pra Série C. Não fui muito bem, tive poucas oportunidades e espero estrear com a vitória e com um gol. Mas vamos entrar em campo e fazer o que professor Aderbal mandou pra conseguir um bom resultado, e classificar jogando aqui em Manaus”, frisou o atacante.

O zagueiro do Naça, Guigui, apontou dificuldades para encarar o time acreano e alertou para  um dos reforços do Humaitá-AC, que pode dar trabalho.
“Sabemos da nossa possibilidade, é um grande jogo e um adversário muito difícil. Eu tenho alguns amigos como o Sandro, que está no Rio Branco-AC. Têm alguns que joguei contra que foram pro Humaitá-AC, como o Helson (meio-campo), que é um ótimo jogador e perigoso. Vai ser difícil, mas vamos por em prática tudo o que a gente treinou pra buscar o resultado positivo”, finalizou o defensor.

News 48367672 1136721996505445 2342939255929569280 n 2dad860c 0057 4e2e b7f5 f53181960f2f
Repórter do Craque
Jornalista formado na Ufam, campus de Parintins. Estudante de pós-graduação em jornalismo esportivo na Universidade Estácio de Sá. Repórter do Caderno de Esporte ‘Craque’ de A Crítica desde novembro de 2018.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.