Sábado, 20 de Julho de 2019
Craque

Nacional e Princesa travam primeiro duelo decisivo em busca do título de campeão estadual

Marcados pelo equilíbrio durante toda a competição, as equipes se enfrentaram quatro vezes, com uma vitória para cada lado e dois empates



1.jpg Principais técnicos do Campeonato Amazonense, Marquinhos e Lana duelam novamente
18/05/2013 às 19:23

O Nacional entra em campo hoje contra o Princesa do Solimões, às 16h, no estádio Roberto Simonsen, o campo do Sesi, disposto a confirmar a boa fase e superar o primeiro desafio da decisão do Campeonato Amazonense Chevrolet 2013. Mas se o Naça não terá o seu “maestro”, o meia-atacante Danilo Rios, que cumpre suspensão automática, o Tubarão vem com a força máxima, com o retorno do atacante Marinelson, Rondinelli e Nando.

Marcados pelo equilíbrio durante toda a competição, as equipes se enfrentaram quatro vezes, com uma vitória para cada lado e dois empates. Para o atacante nacionalino, Leonardo, apesar da boa vitória na Copa do Brasil contra o Coritiba, o time do Nacional está focado somente no Princesa e não abre mão do bicampeonato no ano do centenário. “Já esquecemos aquela partida contra o Coritiba. Temos um jogo dificil contra o Princesa, mas já sabemos o que fazer. Vamos focados para conseguir um bom resultado aqui (em Manaus), porque a partida lá (em Manacapuru) será dificil. O Princesa é um time bem armado”, avaliou o atacante.

Outro que prevê dificuldades é o atacante Charles. Ele elogiou o ex-compaheiro dos tempos de Penarol, Rondinelli, que é um dos mais experientes jogadores do Tubarão. “O Princesa montou uma grande equipe e tem um jogador de qualidade e experiente que é o Rondinelli. Tive o prazer de jogar com ele no Penarol e sei do seu potencial”, advertiu.

Princesa pronto

Depois de passar mais de 30 dias longe dos gramados por causa de uma contratura muscular na coxa direita, o atacante Nando está de volta ao ataque do Princesa do Solimões e, junto com Marinelson, é a principal arma do time do Tubarão. “Quero agradecer a Deus por ter me curado. Estou pronto pra jogar os 90 minutos contra o Nacional. Tenho feito gols importantes nos jogos decisivos e acredito que amanhã (hoje) não será diferente. Quero balançar as redes do Nacional e ajudar o Princesa a conquistar esse título inédito de campeão estadual para a cidade de Manacapuru”, prometeu Nando.

O jogador promete infernizar a zaga nacionalina juntamente com Marinelson, Vinicius e Toró. “Treinei bem durante a semana e estou à disposição do técnico Marquinhos para jogar e ajudar o Princesa a ser campeão. Conversei muito durante a semana com o Marinelson, o Vinicius e o Toró, sabemos o que fazer para neutralizar o adversário e voltar de Manaus com um bom resultado”, disse o atacante.

Já o técnico Marquinhos Piter acredita que a forte marcação que será imposta sobre o time do Nacional vai ajudar o Princesa a conquistar um resultado positivo. “Tenho uma surpresa tática para o Nacional. Temos que marcar primeiro, não deixar eles jogarem e ter facilidade para tocar a bola. Depois, vamos atacar. Já conheço os pontos fortes e fracos do Nacional. A equipe está tranquila e definida. Todos já sabem o que fazer. Será uma partida equilibrada, definida nos detalhes”, prevê o treinador. 


Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.