Publicidade
Esportes
Craque

Nacional estreia na Copa do Brasil diante do Bahia, hoje, no estádio Ismael Benigno

Leão da Vila fará a estreia na segunda competição nacional de 2015. Jogadores não esperam facilidades diante da equipe reserva do Bahia 01/04/2015 às 22:09
Show 1
Jogadores do Leão não esperam facilidades
Anderson Silva Manaus (AM)

Com 100% de aproveitamento no Campeonato Amazonense, o Nacional inicia na noite de hoje, às 20h50, contra o Bahia no estádio da Colina, a participação na Copa do Brasil. O torneio não sai da cabeça do torcedor por causa da inédita campanha de 2013, quando chegou à quarta-fase.

Presente em mais uma disputa de campeonato nacional na temporada, o Leão quer apagar a eliminação para o Paysandu (4 a 1 - 1 a 1), pela Copa Verde e garantir de vez a confiança do torcedor. Para isso terá que passar pelo Tricolor da Boa Terra que deixou a equipe principal em Salvador.

Mesmo com o adversário - que poupou os titulares para priorizar a semifinal da Copa do Nordeste -, o técnico Aderbal Lana terá a disposição o lateral-esquerdo André Luis.

Apesar de ter todos os titulares, Lana não espera facilidades.

“Nós pegamos a Ponte (Preta) em Campinas e tinha muitos titulares e ganhamos lá (2013). Ela veio aqui com uma equipe alternativa e deu muito trabalho para ganharmos de 1 a 0. O jogador que está sentado no banco, que realmente é profissional, ele procura se mostrar para garantir a vaga”, afirmou o treinador, que já havia “mapeado” a equipe titular do Bahia, e agora busca mais informações da equipe reserva.

“Eu tenho que ter muito cuidado na escalação porque é uma competição que envolve muita coisa para o Nacional principalmente, para o Bahia não: que está vindo com a equipe reserva, mas para o Nacional vale muito”, destacou o comandante que vai optar pelo mesmo time que vem atuando no Estadual.

Mais que defender

No treino de ontem no CT, Lana exigiu uma movimentação maior dos volantes Denis, Bruno Potiguar e Lídio, que já está adaptado em ser um elemento surpresa. A meta é fazer com que os jogadores avancem, e criem jogadas.

“Sempre joguei assim nessa função (chegar à área) e espero poder ajudar a equipe para conseguir a vitória”, disse o jogador Bruno Potiguar.

 Único volante com dois gols, Lídio quer mais uma vez marcar. “A gente vem trabalhando para fazer o melhor possível para não tomar gols, mas fazer. Estamos animados e com uma grande equipe vamos impor nosso ritmo para sair com a vitória”, disse o jogador.

Publicidade
Publicidade