Domingo, 19 de Maio de 2019
JOGÃO

Nacional vence Iranduba por 3 a 0 e garante vaga nas semifinais do 1° turno do Barezão

Agora o Leão da Vila Municipal acumula 12 pontos ocupando a terceira colocação na competição



nacional_88DE96C5-8439-44D2-A90E-A369D3F957AD.JPG
Foto: Nacional
27/02/2019 às 22:48

Fechando a sexta rodada do Barezão 2019, o Nacional fez a lição de casa e garantiu classificação antecipada para as semifinais do primeiro turno após vencer o Iranduba na noite desta quarta-feira (27) pelo placar de 3 a 0, na Arena da Amazônia, Flores, na Zona Centro-Sul de Manaus.

Os gols da partida foram marcados por Ray, Jonas e Bernardo do Nacional.

Agora o Leão da Vila Municipal acumula 12 pontos ocupando a terceira colocação na competição. O próximo desafio do Naça será o clássico contra o Rio Negro no próximo domingo (3) no estádio Carlos Zamith, na Zona Leste de Manaus.

O jogo

A partida começou concentrada no meio de campo com o 'Naça' buscando armar as jogadas para chegar no gol adversário com precisão e qualidade.

De em pé em pé, o Nacional trabalhava a bola, mas com duas linhas de quatro defensivas do Hulk o Leão pouco conseguia avançar por falta de espaço para arriscar um chute.

O relógio marcava 10 minutos e o jogo seguia morno sem nenhuma finalização para os dois lados. Enquanto o Iranduba buscava ligação direta, o Nacional tocava a bola pros lados do campo tentando encontrar espaço.

A primeira finalização da partida enfim aconteceu aos 15 minutos no cruzamento Bernando volante do Nacional que foi parar nas mãos do goleiro Thiago Rocha do Hulk.

Mesmo empurrado pela sua torcida o Nacional não conseguia chegar para finalizar e muito menos pressionar o Iranduba. A partir dos 24 minutos, o Leão da Vila Municipal pareceu enfim ter acordado para 'rugir' e apostando pela ponta direita Romarinho  buscava infiltrar na pequena área querendo abrir o placar do jogo.

Antes que o torcedor perdesse a paciência pela falta de competitividade no jogo, o árbitro paralisou aos 28 minutos para hidratação.

E a água milagrosa da pausa parece ter funcionado, pois aos 32 minutos o Nacional abriu o placar em jogada iniciada no meio campo com Jonas que abriu na ponta direita com Paulinho e avançou para cruzar rasteiro e o atacante Ray dentro da pequena área chutar e balançar as redes do Iranduba.

Sem se intimidar o Hulk tentou aproveitar a cobrança de falta do zagueiro Linno aos 34 minutos, dando trabalho para o goleiro André Regly.

Após o primeiro gol do jogo, a partida mudou de panorama e as jogadas passaram a ser mais divididas pelas duas equipes. Mais recuado aos 43 minutos o Nacional apenas esperava o contra ataque, e aproveitou na primeira oportunidade com chute da entrada da grande área aos 44 minutos do camisa 10 do Leão Jonas.

Segurando o ataque do Iranduba no fim do primeiro tempo o 'Naça' saiu aplaudido pela torcida para o intervalo do jogo.

2° tempo

A segunda etapa começou a mil para os dois lados. O Iranduba mesmo em desvantagem buscava pressionar o Naça, que segurava com tranquilidade o ataque do Hulk.

A saída em velocidade do Iranduba pela ponta esquerda com o jovem Caique era uma das alternativas da equipe chegar no campo defensivo do 'Naça', mas a falta de um companheiro na área dificultava a finalização da jogada para o gol.

No primeiro lance de perigo do Leão aos 11 minutos do 2° tempo, Marinelson recebeu a bola na entrada da grande área mas chutou por cima da meta de Thiago Rocha.

Explorando contra ataque, aos 22 minutos o atacante do Nacional Romarinho arrancou pela esquerda e foi derrubado na pequena área sendo marcado penalidade máxima. Na cobrança Bernardo mandou a bola pro fundo das redes do Hulk.

Após a parada técnica pra beber aquela água, o Iranduba ainda lutava dentro de campo para tentar uma reação. E aos 30 minutos o atacante Gabriel arriscou um chute dentro da grande área mas a bola foi fraca demais para defesa fácil de André Regly.

Com 41 minutos jogados na segunda etapa o jogo ficou bastante movimentado com as tentativas de infiltração do Iranduba. Mas o Nacional seguia firme na defesa e em mais um contra ataque aos 43 minutos Romarinho chutou dentro da pequena área do Hulk tirando tinta da trave.

Segurando o resultado o Nacional recuou o time para fechar a defesa e não deu espaço ao ataque do Iranduba. A torcida do Leão fez a festa do início ao fim e foi recompensada no fim pelo belo resultado da equipe. O Nacional joga na próximo sábado (2) contra o Rio Negro.

Ficha técnica

Nacional: André Regly(Gabriel), Paulinho, Jordan, Deurick, Mineiro, Bernardo, Paulinho Brasília(Fernando), Matheus(Marinelson), Ray, Jonas, Romarinho. Tc: Aderbal Lana

Iranduba: Thiago Rocha, Natan, Linno, Luizinho, Klysman, Pedrinho(Vampeta), Simi(André), Kennerson, Branco(Guilherme), Gabriel e Caique. Tc: João Carlos Cavalo

Árbitro: Reginaldo Noronha

Público: 391 pessoas

Renda: 2.290 reais


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.