Publicidade
Esportes
Craque

No jogo de ida da decisão do Barezão, o Naça sai na frente do Princesa, na Arena da Amazônia

Após cobrança de escanteio, o zagueiro Maurício Leal, de cabeça, marcou o gol que garantiu a vitória  Leão da Vila Municipal. As equipes voltam a se encontrar no próximo sábado (20), às 15h, novamente na Arena 13/06/2015 às 17:06
Show 1
Jogadores do Nacional comemoram após Maurício Leal marcar diante do Princesa
acritica.com Manaus

Na decisão do Campeonato Amazonense de 2015, o Nacional saiu na frente do Princesa do Solimões. No jogo de ida da grande final, o Leão da Vila Municipal, que joga por dois resultados iguais, venceu por 1 a 0 o Tubarão, neste sábado (13), na Arena da Amazônia.

Depois de um primeiro tempo muito equilibrado, o Naça voltou melhor para a partida. Aos 9 minutos do segundo tempo, Charles cobrou escanteio e o zagueiro Maurício Leal, de cabeça, marcou o gol do Leão da Vila. O resultado empolgou a torcida e também os jogadores em campo.

Dois minutos depois, Charles quase fez o segundo. Ele invadiu área e chutou para o gol, mas a bola parou no travessão. Em seguida foi a vez do Tubarão arriscar, Leo Paraíba cobrou escanteio , mas Gilson não soube aproveitar a oportunidade e acabou cabeceando para fora.

O Nacional volta a atacar com Charles e o técnico do Princesa resolve mudar o time. Zé Marco tira Carlinhos e coloca  Nando, que costuma ser decisivo em grandes partidas da equipe de Manacapuru. Praticamente ao mesmo tempo, Aderbal Lana também faz substituição no Naça, tira Bruno Potiguar e coloca Lídio.

Em sua primeira participação do jogo, Nando assustou a defesa do Nacional.O atacante do Princesa passou pela zaga e mandou um belo chute, mas com muito esforço o goleiro Rodrigo Ramos conseguiu impedir o gol.

Os treinadores fazem novas substituições. Pelo lado do Nacional sai Júnior Paraíba e entra Railson. E pelo Princesa sai Jaime e entra Lacraia.

Após cruzamento de Andrezinho, Lídio quase amplia o marcador para o Leão da Vila, mas aí é a vez do goleiro Raicifra fazer boa defesa. Andrezinho então tenta tabelar com Charles, mas Gilson aparece para salvar o Tubarão.

Após várias tentativas, o Nacional não conseguiu ampliar o placar e nem o Princesa empatar a partida, que acabou mesmo em 1 a 0 para o Leão. As equipes voltam a se encontrar no próximo sábado (20), às 15h, novamente na Arena da Amazônia.

Publicidade
Publicidade