Domingo, 15 de Setembro de 2019
Urubu contra Galo

Buscando afirmação no Brasileirão, Flamengo e Atlético-MG se enfrentam neste domingo

Empatados em número de pontos, os dois times buscam a vitória se aproximar do bloco que disputa o título.



zCR0610-01F.jpg Capitão no título da Libertadores do Galo tenta ajudar o Flamengo a continuar brigando na parte de cima. (Foto: Divulgação/Flamengo)
09/07/2016 às 19:00

Com os mesmos 20 pontos, Flamengo e Atlético Mineiro entrarão em campo neste domingo (10) às 10h (de Manaus), no estádio Mané Garrincha, para o confronto válido pela 14° rodada do Brasileirão. Os objetivos das duas equipes são parecidos: vencer para continuar brigando para se manter na parte de cima da tabela.

Além de Flamengo e Atlético Mineiro, Ponte Preta e Atlético Paranaense possuem 20 pontos. Os cariocas estão em sétimo, os mineiros, em nono e dois pontos separam as duas equipes do G4. Resta saber quem cantará de galo em Brasília.

O técnico Marcelo de Oliveira sabe muito bem a importância do jogo e a rivalidade que envolve as duas equipes, por isso, o Galo treinou forte para fazer uma boa atuação contra o Fla.“Existe, naturalmente, uma cobrança. O Flamengo vinha jogando bem e vai querer se recuperar para não perder posições na tabela. O Atlético tem que mostrar seu potencial e encaixar mais vitórias. Imagino que teremos um jogo equilibrado e corrido porque ambas as equipes jogam para frente e precisam pontuar”, disse o treinador.

Fred, suspenso, não joga e Carlos deve substituí-lo. Outra novidade é Maicosuel entre os relacionados para a partida. Já no lado do Flamengo, a lista de novidades é maior. Começando pelo banco de reservas. Expulso no jogo contra o Corinthians, Zé Ricardo dará lugar a Jayme de Almeida. Dentro de campo, os desfalques ficam por conta de Alan Patrick, que sentiu a coxa e será substituído por Mancuello ou Fernandinho. Ederson e Rodinei, por motivos de lesão, também não jogam. Outro desfalque na equipe é o atacante Paolo Guerrero. Sendo assim, Felipe Vizeu é a esperança de gols no ataque do Flamengo. 

“A cobrança é sempre grande. Quero sempre fazer o melhor e marcar gols. Tenho um feito um bom trabalho quando acionado. Espero que no domingo a minha estrela brilhe”, disse. Adrian também voltou de empréstimo e já treinou com o time durante a semana.

O que deve permanecer igual no Flamengo é a zaga. Réver e Rafael Vaz serão mantidos, mesmo após a atuação ruim contra o Corinthians - quando o time foi derrotado por 4 a 0 - o primeiro, inclusive, reencontrará o seu ex-clube, onde foi campeão da Libertadores no ano de 2013. 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.