Publicidade
Esportes
CAMPEÃO BRASILEIRO DE 2016

Novo técnico do Verdão, Eduardo Baptista fala sobre a missão de assumir time

Sucessor de Cuca, ele sabe bem da responsabilidade que terá dentro de campo. “É bom receber um time campeão, claro, mas a responsabilidade também é grande” 05/02/2017 às 05:00
Show eduardo baptista
O treinador estreia pelo Verdão após dois empates na pré-temporada (Foto: César Greco/Agência Palmeiras)
Camila Leonel Manaus (AM)

O Palmeiras estreia no Campeonato Paulista contra  Botafogo de Ribeirão Preto,  neste domingo (5) às 15h (de Manaus) no Allianz Parque. Mas além da comum atenção dispensada a uma equipe no primeiro jogo oficial da temporada, o Verdão terá ainda mais olhos atentos para o Palmeiras versão 2017, que vem com um técnico novo, Eduardo Baptista, reforços de peso como Felipe Melo, Willian e terá a volta de Fernando Prass à meta. Tudo isso com o peso de repetir as boas atuações que deram ao time o título brasileiro do ano passado.

E Eduardo Baptista, sucessor de Cuca, sabe bem da responsabilidade que terá dentro de campo. “É bom receber um time campeão, claro, mas a responsabilidade também é grande”. mas garante que a preparação do elenco foi boa e que os palestrinos podem se preparar para um ano tão alegre quando foi 2016.

“Todo clube grande tem pressão. Mas eu tenho mais de 20 anos de futebol, de vestiário, e aprendi a lidar bem (com pressões). Sobre a torcida do Palmeiras, é uma torcida muito apaixonada, que comparece muito, que está sempre empurrando o time, onde quer que esteja. Já estamos trabalhando forte para essa torcida continuar sorrindo, como foi nos anos anteriores. Esse primeiro mês está sendo muito bom, o elenco está assimilando bem a nossa filosofia”, comentou com exclusividade ao CRAQUE.

Mesmo confiante, o Palmeiras teve dificuldades. Uma delas são as poucas informações sobre o adversário. O Botafogo escondeu o jogo para surpreender os donos da casa. E a equipe do técnico Moacir Júnior deu poucas pistas da formação que irá entrar em campo hoje. A equipe do interior de São Paulo vem se preparando desde novembro do ano passado.

Mas no lado do Palestra Itália também há mistério quanto à escalação. Na manhã de ontem, a equipe realizou o último treino antes da estreia. A dúvida quanto ao elenco é a concorrência no ataque, principalmente na posição de centroavante, que está sendo disputada por Willian, Barrios e Alecsandro. No amistoso contra a Ponte Preta, Willian e Barrios foram testados. Já no amistoso contra a Chapecoense, primeiro do Verdão no ano, Alecsandro foi a opção na posição.

A última vez que o Palmeiras levantou a taça estadual foi em 2008. Nos dois últimos anos, o Verdão ficou no quase. Em 2016, foi eliminado pelo Santos na semifinal. Em 2015, o Santos também foi o carrasco, só que na final, ao superar o rival nos pênaltis.

Três perguntas para Eduardo Baptista

1. Você é conhecido por ser um estudioso do futebol. Como é essa rotina de estudos?

Eu respiro futebol há muito tempo. Gosto de ver, ler, analisar e colocar em prática. Eu e minha comissão estudamos tanto na Academia quanto em casa. Estamos sempre atentos a tudo que acontece.

2. Quais os pontos fortes do elenco? A que aspecto você tem dado mais atenção ?

É um elenco que foi campeão e que gostou de ser campeão. Minha missão é deixar esse sentimento aceso. Estou dando atenção a todos aspectos. É um elenco que ouve muito e sabe colocar em prática.

 

3. Você mencionou em entrevistas que conversou com o Cuca. Como foi?

Cuca foi espetacular comigo, me ligou e falou sobre várias coisas, sobretudo sobre os jogadores. Isso me ajudou muito. Sobre comparações, não temo. Ele fez um trabalho campeão. Eu quero fazer um trabalho bom também. Estou trabalhando para isso.

 

Ficha Técnica

Palmeiras Prass; Jean, Dracena, Vitor Hugo e Zé Roberto; Felipe Melo; Róger G, Tchê Tchê, Raphael Veiga e Dudu; Willian (Barrios ou Alecsandro) Tec: Eduardo Baptista

Botafogo-SPNeneca; Samuel Santos, Gualberto, Mancini e Fernandinho; Marcão Silva, Bileu, Pituca e Rafa Bastos; Marcão e Serginho. Tec: Moacir Jr

Estádio: Allianz Arena  Árbitro:  Flávio R de Souza

Publicidade
Publicidade