Quarta-feira, 13 de Novembro de 2019
Peladão 2017

O CRAQUE mapeia o mercado da bola do maior campeonato de peladas do mundo

Com rodada de abertura neste sábado (16), o CRAQUE traça as mudanças ocorridas nos elencos, o entra e sai dos astros mais concorridos do Peladão na categoria Principal em busca do título da temporada



aaa.JPG O craque Pedrinho trocou o Vila Mamão pela Liga do Aleixo/Náutico (Foto: Evandro Seixas)
16/09/2017 às 08:19

A janela de transferência na Europa fechou no final de agosto movimentando bilhões de dólares e mudando a configuração de gigantes do futebol mundial como Barcelona, Real Madrid, Manchester United e o PSG, que seduziu o astro Neymar para seu elenco. 

Sem a mesma volúpia financeira, mas com a mesma agitação de bastidores, as equipes que disputarão o título do Peladão 2017 se reforçaram com os maiores craques da capital, do interior, de fora do Estado e até de jogadores que atuaram fora do País. 



O CRAQUE seguiu de perto as contratações dos quatro semifinalistas do Peladão Principal de 2016 e desvenda o movimentando Mercado da Bola do maior campeonato de futebol amador do Mundo.

Moral pra base

Começamos pelo atual campeão, o T5 Jamaica, que manteve a base vencedora da última temporada e fortaleceu seu plantel com os chamados “reforços pontuais”. Depois de perder o meia Thiago Amazonense, que se sagrou campeão amazonense com o Manaus FC, o time do bairro da Compensa trouxe os volantes Abuda e Josimar, além do lateral-direito Neto.

A aposta maior do T5 é no meia-atacante Genésio, 22, que veio da base do clube, e no ano passado disputou o Peladão pelo time B. 

Após arrebentar na base, Genésio ganhou chance no time de cima do T5 Jamaica (Foto: Evandro Seixas)

“Como fui bem no Peladão 2016 jogando pelo time B, me deram uma oportunidade de jogar no time principal”, comenta Genézio, que pode ser o novo camisa 10 do T5 Jamaica. 

Reformulação geral

Vice-campeão do Peladão 2016, o Vila Mamão reformulou praticamente todo o elenco em busca do título desse ano. Da equipe que perdeu a decisão para o T5 Jamaica, em janeiro deste ano, na Arena da Amazônia, apenas o goleiro Deleon, o lateral Claudinho e o volante Iran permaneceram no time.

Entre os novos craques do time do bairro São Francisco estão o zagueiro Bruno, o volante Preto, os atacantes Renan, Boreco e Roberval, os meias Clemerson, Leno, Adriano, Shelton, William Reis e Neto, este último estava no semifinalista Náutico. Mas, as contratações mais festejadas do Vila vem ou podem ir para o futebol europeu.

“A contratação mais badalada pra esse ano foi o atacante Jhonatan. O jogador tem proposta pra jogar no futebol Europeu. Quem assinou conosco também foi o Walter Toshio, que jogou no Varzim Sport Clube, de Portugal”, revelou Edmar Silva, dirigente do Vila Mamão.

Mudou meio time 

No Liga do Aleixo/Náutico Clube, as mudanças aconteceram em 50 por cento da equipe. No entanto, o time da Zona Leste de Manaus vem mais forte para essa temporada. Além das comemoradas permanências do goleiro Deney e do volante Baiaca, chegaram no Náutico o zagueiro Rolan, os meias Marcinho, William e Vítor, o volante Cavalinho e o atacante Anderson Eré, que já foi artilheiro do Peladão 2008.

Porém, o reforço mais festejado no Náutico foi o meia-atacante Pedrinho, 29, que trocou o Vila Mamão para ser o camisa 10 do time do bairro do Aleixo.

“Aceitei ir para o Náutico porque vi lá uma grande possibilidade de sermos campeões. Pois têm vários companheiros de muito talento que conheço e já joguei junto. Com certeza iremos em busca do título”, disse o novo camisa 10 do Náutico. 

A volta do craque

Entre os quatro semifinalistas do Peladão do ano passado, o RM FC é o que mais promete. Nessa temporada, a equipe de Rogério Mello vem com três times: dois no Peladão Principal e outro na categoria Master. Depois de perder para o futebol profissional os atacantes Max e Rafael (foram para o Holanda) e Cristiano (para o Rio Negro), o time do Parque 10 anunciou um nome de seleção, o do goleiro Mário César, que é arqueiro da Seleção Brasileira de 7.

Igor é umas das maiores atrações desta edição do Peladão 2017 (Foto: Evandro Seixas)

No entanto, o reforço mais badalado do RM é o de Igor Cearense, 38. Campeão carioca pelo Flamengo de 2004, além de cearense pelo Fortaleza, e paranaense pelo Coritiba, o meia-atacante largou a aposentadoria e é um dos maiores nomes desta edição do Peladão.

“Será um grande prazer voltar a jogar em um dos campeonatos mais visados do Brasil. Sentirei um pouco de dificuldades porque tenho lesões no joelho e parei de jogar faz quatro anos. Mas, pelo amor de jogar e estar próximo de grandes amigos, como Rogério RM e outros, farei um grande esforço. Lógico que não jogarei como antes, mas vamos tentar algumas jogadas (risos)”, comentou Igor Cearense, que dividirá as atenções entre o Peladão e a disputa do Amazonense de Futebol Feminino, onde ele comandará o Penarol.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.