Publicidade
Esportes
Craque

Palmeiras jogará com time misto contra um Sport que vem com força total

As duas equipes querem manter a regularidade e a proximidade com o G-4, mas enquanto o Palmeiras terá que se dividir entre duas competições, o Sport vai com força total 23/10/2015 às 19:52
Show 1
Marcelo Oliveira disse que a equipe não perderá o foco no Brasileirão mesmo disputando duas competições
Camila Leonel Manaus (AM)

O Palmeiras recebe, às 19h (horário de Manaus), o Sport no Pacaembu pela 32° rodada do Campeonato Brasileiro. Apesar do jogo ser em São Paulo, o Palmeiras não jogará em seu estádio devido a um show que acontecerá no Allianz Parque.  Jogando em um estádio diferente ao que está acostumado e com um elenco misto, o Verdão terá pela frente o Leão, que com dois pontos a menos tenta vencer a terceira partida seguida e pode ultrapassar o Palmeiras na classificação.

O técnico Marcelo Oliveira reconhece que uma vitória no Brasileirão é importante, mas que é preciso canalizar muita energia para o jogo de volta contra o Fluminense, em que o time paulista saiu derrotado por 2 a 1. Por isso, o comandante precisa usar bem suas peças para que o time vá bem nas duas competições sem desgastar o elenco nessa reta final.

“É um momento crucial da competição, está se afunilando. A vitória tem um peso muito maior nesse momento, porque a cada jogo diminui a distância para o fim. A gente precisa jogar o Brasileiro intensamente e sabendo que na quarta podemos modificar jogando diante da nossa torcida”, explicou.

Regularidade

Já o Sport tem como foco apenas o Brasileirão e vai com força total contra o Palmeiras. Uma vitória contra o time alviverde pode colocar o rubro-negro mais perto do G-4. Uma esperança para equipe e torcida após ver o sonho por uma vaga na Libertadores.

O principal desafio do técnico Falcão é manter a regularidade da equipe e não deixar que o excesso de otimismo atrapalhe as pretensões do Leão. "A reação dos jogadores após estes bons resultados foi boa. Senti que eles estão confiantes. Não há acomodação. Até soltei que eles estavam relaxados. Para provocar mesmo. Mas o que ouvi foi satisfatório. A resposta imediata de todos foi que o grupo continua motivado", revelou Falcão.

Rivalidades

Desde 2008, quando o Sport eliminaram os palmeirenses na Copa do Brasil, a expectativa dos torcedores do Leão é das melhores quando a equipe entra em campo contra o Palmeiras.

De 2008 até 2015, as duas equipes se enfrentaram 15 vezes e o Sport tem o maior número de vitórias. Foram sete contra quatro do rival.

Dentre as vitórias rubro-negras, destaca-se  a partida de inauguração do estádio do palmeiras em 2014. Na ocasião, o Sport estragou a festa dos palmeirenses e ao vencer a partida por 2 a o - gols de Ananias e Patric.

“Apesar do histórico entre as duas equipes, Falcão minimiza e diz que não existe rivalidade entre as duas equipes.

Eu não acho que tem rivalidade, não. Isso é muito mais local. Isso acontece quando se disputa títulos, lá em cima. O jogo, por si só, é difícil”, explicou.

No primeiro turno, as duas equipes empataram em 2 a 2, na Arena Pernambuco.

Ficha Técnica

Palmeiras: Fernando Prass; João Pedro, Jackson, Leandro Almeida e João Paulo; Thiago Santos e Matheus Sales (Amaral); Mouche, Allione e Rafael Marques; Cristaldo. Tc Marcelo de Oliveira

Sport: Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Renê; Rithely, Wendel, Diego Souza e Marlone; Élber e André.Tc Falcão

Estádio: Pacaembu Horário: 19h   Árbitro:  André Luiz de Freitas Castro (GO) Motivo 32° rodada do Campeonato Brasileiro


Publicidade
Publicidade