Sexta-feira, 04 de Dezembro de 2020
FORA DOS GRAMADOS

Para driblar crise, zagueiro Elton se dedica a trabalho em pet shop de Manaus

Com a paralisação do futebol em todo o país, o ex-Princesa do Solimões é mais um jogador a deixar de correr atrás da bola para correr atrás do sustento



WhatsApp_Image_2020-04-03_at_10.14.52_596FFC1C-EF83-41AC-AE2B-0D1FB8CBDCFE.jpeg
03/04/2020 às 16:01

“Quem não tem cão, caça com gato”. O ditado popular faz todo sentido neste momento de quarentena. Com o cancelamento do Campeonato Amazonense, por conta da pandemia do coronavírus, o zagueiro Elton, ex- Princesa do Solimões, se dedica a trabalhar em um pet shop para manter os compromissos em dia.

Igual a um pitbull na marcação dos adversários dentro de campo, Elton Inácio dos Santos, é um jogador bem conhecido no futebol baré, atuando por times como São Raimundo, Nacional, Grêmio Coariense, Rio Negro, Operário, Manaus FC, Iranduba e Princesa do Solimões. Além de jogar em outros times fora do estado.



Aos 33 anos, recentemente, estava no time do Baré-RR, se preparando para disputar o Campeonato Brasileiro Série D pelo time roraimense, mas, com a aralisação das atividades, voltou para Manaus.

“Com o campeonato paralisado, tive que voltar para casa, não se sabe quando volta os campeonatos estaduais e nem quando se inicia os campeonatos nacionais”, disse o atleta que não viu seus pais, não foi para casa diretamente, após chegar de viagem, por precaução.

“Eu cheguei de BoaVista tem dez dias, não fui em casa ainda, não fui visitar meus pais. Preferi passar uns dias na casa do meu irmão. Meus pais já estão com uma certa idade e para prevenir eles, fiz essa escolha”, contou o defensor.

‘Marcando’ os pets

Para driblar a crise, o zagueiro está ajudando seu irmão, que tem um pet shop no Parque Dez chamado ‘Meu Pet, Minha Vida’, nos deveres da loja.

“É tranquilo o trabalho, já ficava ajudando por aqui antes, sempre vinha nas folgas que o futebol me dava. Aqui no pet shop é bem diferente do que amo fazer, porém é também uma área boa, estar perto dos animais é sempre bom”, revelou.

Os serviços veterinários estão na lista de estabelecimentos essenciais que o Governo permitiu que continuem abertos.

Com o crescimento dos casos de Covid-19 na capital e por todo o país, a grande maioria dos comércios foram atingidos, caindo sua linha de vendas e preocupando seus proprietários. 

“Cairam muito as vendas, estamos na torcida que tudo volte ao normal o mais rápido possível. Estamos funcionando normalmente, apenas tomando os cuidados necessários para evitar o vírus”, afirmou o zagueiro, que apesar de gostar do novo trabalho, não pretende seguir na área veterinária.

“Vou terminar a faculdade de Educação Física, vou ficar na área esportiva mesmo”, enfatizou Elton.

Repórter

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.