Publicidade
Esportes
Craque

Paragominas vence Nacional no campo do Sesi

Para o técnico Aderbal Lana a derrota foi apenas “coisa do futebol”. “Uma hora íamos perder. Fizemos o primeiro gol logo no primeiro minuto de jogo e depois dos 15 minutos do primeiro tempo não nos achamos. Agora é treinar  e ajustar alguns setores”, disse 22/07/2013 às 13:24
Show 1
Danilo Rios coloca a mão na cabela numa tarde em que o Naça esteve irreconhecível dentro do campo
Antônio Barros Jr. Manaus, AM

O dia em que nada deu certo. Assim pode ser classificada a derrota do Nacional para o Paragominas-PA, por 3 a 1, em jogo válido pela quinta rodada da Série D. Com a vitória, os paraenses assumiram a ponta isolada da tabela com 10 pontos enquanto o Naça (que ainda tem um jogo a menos) ficou estacionado na terceira posição com seis pontos.

Para o técnico Aderbal Lana a derrota foi apenas “coisa do futebol”. “Uma hora íamos perder. Fizemos o primeiro gol logo no primeiro minuto de jogo e depois dos 15 minutos do primeiro tempo não nos achamos. Agora é treinar  e ajustar alguns setores”, disse.

Para o artilheiro da noite, o atacante  Aleílson,  a vitória mostrou apenas a qualidade da equipe. “Não somos líder do grupo à toa”, frisou o atacante.

Nacional 1 x 3 Paragominas

Logo no primeiro minuto de jogo, o volante Roberto Dinamite enxergou o lateral-esquerdo Bigú livre, tocou para o lateral, cruzou rasteiro e Leonardo chutou no canto esquerdo sem chance para o goleiro Maycki: 1 a 0 para o Naça.

Em seguida, Danilo Rios e Felipe até tiveram outras chances mas não souberam aproveitar. Aos 35 ainda da primeira etapa, em um lance despretencioso, Aleíson acertou um chute cruzado no ângulo de Igor Lemos e empatou o jogo em 1 a 1.

Já no segundo tempo, logo aos 8 minutos, Aleílson outra vez. Agora, livre dentro da pequena área, o atacante recebeu, girou e chutou no canto direito sem chance para o goleiro e para por o time paraense à frente, 2 a 1.

Aos  23, o lateral esquerdo Sousa cruzou para o meio da pequena área, na cabeça de Ratinho que só tocou para dentro e para dar números finais em campo. Danilo Rios ainda desperdiçou uma penalidade. Fim de papo.

FICHA TÉCNICA

1 X 3

Nacional

Igor, Erick, Ediglê (M. Abraão) e Morisco, Denis, Bigú, Dinamite (T.Pereira), Felipe (Marcinho), Léo, D.Rios e Cristiano

Técnico: Aderbal Lana

Paragominas

Maycki, Magno, Rubran, Cristovam, George, Sousa, Paulo, Fabricio(Evandro), Weller(Adriano), Ratinho, Aleílson
Técnico: Acaio
Público: Não divulgado
Estádio Sesi
Motivo Série D

Publicidade
Publicidade