Publicidade
Esportes
Amazonas Olímpico

Paratleta amazonense é convocado para Jogos Paralímpicos Rio 2016

O tenista Guilherme Marcião da Costa foi convocado para a seleção brasileira de Tênis de Mesa para a disputa do evento. O paratleta foi destaque do Brasil nos Jogos Parapan-Americanos, em Toronto, onde levou um ouro e um bronze 16/03/2016 às 11:22
Show 51c914a5 e32d 4291 b1f5 b4befed3a32b
O tenista Guilherme Marcião vai disputar os Jogos Paralímpicos Rio 2016.
Divulgação/CBTM Manaus (AM)

O paratleta amazonense Guilherme Marcião foi convocado pela Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM) para integrar a seleção de mesa-tenistas que irá representar o Brasil nos Jogos Paralímpicos do Rio 2016. Marcião foi um dos grandes destaques dos Jogos Parapan-Americanos disputados no mês de fevereiro em Toronto, no Canadá, onde conquistou a medalha de ouro no Tênis de Mesa por equipes e bronze no individual da classe 2.

Feliz com a convocação, o tenista agradeceu aos fãs e patrocinadores em sua rede social. “Se treinei muito, treinarei ainda mais agora. Se me sacrifiquei, farei o dobro agora. Se me dediquei e fui disciplinado, agora é a hora de ser mais persistente! Esse sou eu e é esse Guilherme que vai pro Rio 2016: Standing man! Dez anos de história que se fecham com chave de ouro, independente do que aconteça já é surreal! Amo vocês”, declarou.

O paratleta amazonense, que é beneficiário do Programa Bolsa Atleta municipal, recebeu os parabéns do titular da Secretária Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel), Sildomar Abtibol. “É uma alegria vermos o paratleta Guilherme Marcião ser convocado para participar dos Jogos Paralímpicos deste ano, principalmente porque esse resultado é reflexo do apoio dado pela Prefeitura Municipal por meio da Bolsa Atleta Municipal”, afirmou.

Primeiro do ranking nacional da classe 2 da modalidade e em 18º lugar na classificação mundial, Guilherme está em Brasília onde treina intensamente para obter bons resultados nas próximas competições.

Entre as conquistas de Guilherme, destaca-se o título por equipes do Parapan-Americano e o bronze  no individual. O paratleta também é tetracampeão brasileiro da modalidade (troféu conquistado em maio), campeão sul-americano, do Pan-Americano de Tênis de Mesa, do Pan Juvenil e está na seleção brasileira da modalidade.

*Com informações da assessoria

Publicidade
Publicidade