Publicidade
Esportes
Voando para Manaus

Passageiro Ilustre: Saiba mais sobre o voo que traz o fogo olímpico a Manaus

Comandante do voo que traz a Tocha Olímpica a Manaus falou da responsabilidade que carrega 18/06/2016 às 17:00 - Atualizado em 18/06/2016 às 17:58
Show zcr0719 02f
Comandante fala sobre a emoção de conduzir o avião que leva a chama olímpica
Valter Cardoso Manaus-AM

Niteroense de 38 anos, Rodrigo Garcia vai ter um dos  papéis principais na chegada da Tocha Olímpica em Manaus.  E olha que ele não é atleta e nem vai disputar os Jogos Olímpicos. Rodrigo vai ser o comandante do voo que trará o tão esperado símbolo até a capital do Amazonas.


Antes de desembarcar em Manaus, a chama olímpica viaja pelos céus saindo de Boa Vista. Este vai ser o quarto trajeto em que o comandante tem a missão de carregar a chama olímpica. Uma responsabilidade e tanto. “É a bagagem de mão mais importante que já levei”, brincou o comandante Rodrigo Garcia, que completou: “sem dúvida é o que carreguei de mais especial”.


Se para os condutores da tocha o momento é considerado inesquecível, para o comandante, a sensação não é tão diferente dos escolhidos para o revezamento olímpico.
“Sensação de estar participando de um momento histórico”, resumiu o comandante.


Como um atleta às vésperas da competição mais esportiva do mundo, o piloto também precisou ser escolhido, para ser um dos responsáveis pela missão de levar a Tocha Olímpica aos céus. Rodrigo se diz feliz por ser presenteado, unindo a paixão pela aviação, com a responsabilidade de carregar o símbolo da maior competição esportiva do mundo. 
Apesar de um papel tão importante, o piloto não se sente mais especial que outros brasileiros. “Cada brasileiro é parte do evento. Não só eu por estar nesta operação”,
 finalizou.

Chama


Por questões de segurança, a chama olímpica não viaja acesa nas tochas do revezamento. A Tocha Olímpica, da maneira em que é usada nos eventos olímpicos, só será acesa quando chegar a  Manaus. Já a chama olímpica, inicialmente acesa na Grécia e  que nunca se apaga, será transportada na cabine de passageiros. O fogo ficará aceso em quatro lamparinas fechadas e alimentadas por querosene.


Tripulação
O voo da LATAM será composto por uma tripulação seleta. Todos os profissionais foram treinados seguindo padrões internacionais de segurança de voo e receberam treinamento específico sobre o transporte da chama. Além disso, cada lamparina será também acompanhada de um membro do Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016.


Aeronave
O avião que trás a chama olímpica até o Amazonas é um  Airbus A319, da LATAM, que  recebeu uma adesivagem comemorativa das Olimpíadas para o seu tour pelo Brasil.
A aeronave tem uma inscrição na lateral que anuncia exatamente o passageiro mais importante que está prestes a desembarcar: “Sonho Olímpico a bordo”

Publicidade
Publicidade