Publicidade
Esportes
Briga sadia pelo meio-campo

Paulinho acredita ser possível jogar com Hernanes

Opinião de jogador vai de encontro com a de Felipão. Mesmo com concorrência direta, Paulinho diz que é possível jogar com Hernanes 12/06/2013 às 11:05
Show 1
Paulinho acha que é totalmente viável jogar ao lado de Hernanes na Seleção Brasileira
Jornal A Crítica ---

Para Luiz Felipe Scolari, Paulinho e Hernanes disputam uma posição no meio-campo. Para o volante corintiano, no entanto, isso não está tão certo assim. Em entrevista coletiva, o jogador disse achar possível uma dupla com o meia da Lazio na seleção brasileira.

“Não vejo problema algum. Totais condições. Estamos preparados. Não vejo problema algum. Quem decide isso é o Felipão. Dá para jogar tranquilamente. Acho que erro de passes vão existir”, disse o jogador.

Até agora, Felipão dá sinais de que sua dupla de volantes ideal tem um jogador de contenção e outro de boa saída. Dessa forma, Luiz Gustavo e Fernando brigariam por uma vaga e Hernanes e Paulinho por outra. No último sábado, um dia antes da vitória por 3 a 0 contra a França, o técnico foi claro ao tratar do assunto. “Não estudo colocar os dois juntos no início do jogo. O Hernanes disputa, sim, uma posição com o Paulinho”, disse o treinador naquele momento.

Desde que Felipão assumiu, a vida de Paulinho, até então titular de Mano Menezes não tem sido fácil. No início, ele teve dificuldades para compor o sistema defensivo ao lado de Ramires na estreia contra a Inglaterra. Depois, perdeu os amistosos contra Itália e Rússia por conta de uma lesão na coxa e só voltou contra Bolívia e Chile, sem se destacar.

Com a seleção já reunida para a Copa das Confederações, Paulinho passou a concorrer diretamente com Hernanes. O corintiano foi titular contra Inglaterra e França ao lado de Luiz Gustavo e chegou a fazer um gol no primeiro compromisso, mas vê o ex-são-paulino agradar a crítica. Questionado sobre a função que exerce no time, ele negou que esteja fora do seu posicionamento do Corinthians.

“Eu não concordo que estou jogando diferente do que atuo no Corinthians. Muitas pessoas vêm colocando isso. O Felipão pede para eu fazer o que eu faço no Corinthians. Tenho oportunidade de fazer gols. Muitos questionam essa situação. Eu não vejo dessa forma”, disse Paulinho.

Apoio a Neymar

Principal nome da Seleção, Neymar não faz gols há nove jogos, contando o final de sua passagem pelo Santos e as partidas pela equipe nacional. Apesar da seca, Paulinho saiu em defesa do camisa 10, e avisou que o atacante terá o suporte do time para que ele decida nesta Copa das Confederações. “O Neymar é um craque, realmente algumas pessoas dizem que ele não está fazendo. O Neymar pega na bola e é uma atenção grande, porque ele decide. Temos de dar esse suporte”, afirmou ele.

Publicidade
Publicidade