Segunda-feira, 16 de Dezembro de 2019
'Climão no Gavião'

'Pedi pra sair', Ediglê dá adeus ao Manaus FC após chegada de Lana

Zagueiro e capitão do Gavião do Norte alegou "não ter clima" para permanecer no clube com a contratação do treinador com o qual já teve problemas no passado. Saída do campeão mundial com o Inter acontece na véspera do duelo com o Galo



edid.JPG Assim que soube da vinda de Lana, Ediglê pediu pra sair do Manaus FC (Foto: Acritica.com)
21/04/2017 às 20:54

Menos de 24 horas depois de anunciar o técnico Aderbal Lana para o comando do time, o Manaus FC perdeu um dos atletas mais experientes do seu elenco. Na manhã desta sexta-feira (21), o zagueiro Ediglê pediu dispensa do clube alegando divergências com o atual treinador com o qual teve "rusgas" no Nacional, em 2013. A saída do defensor acontece na véspera do confronto com o Rio Negro, pela 9ª rodada do Barezão 2017.

Sem se alongar na resposta, Ediglê apenas confirmou sua saída do Gavião do Norte afirmando que já havia entregado sua carta de dispenda à diretoria do clube. Aos 38 anos, o zagueiro campeão Mundial de Clubes com o Internacional-RS em 2006, desejou boa sorte à equipe no restante do campeonato e se despediu.



Um chega, o outro sai

O adeus de Ediglê vem pouco mais de 24 horas antes de estreia de Aderbal Lana no comando do Gavião do Norte. O treinador, que fez seu primeiro à frente do Manaus FC na manhã desta sexta, mostrou surpresa com a saída do zagueiro e afirmou que já havia até feito planos de jogo com o agora ex-capitão do time.

"Me apresentei ontem (quinta,20) e ele estava presente.Conversei com todos e nada foi passado pra mim. Hoje de manhã eu estranhei que ele não foi ao treinamento e eu até tinha montado um esquema com ele de líbero, mas ele não apareceu no treinamento", revelou Lana afirmando que foi para o Manaus "desarmado" e pensando apenas no melhor para a equipe.

"Se realmente saiu, a atitude foi por parte dele. não foi por minha parte. Não tenho nada... não fui pra lá 'armado'. Fui pra lá pra desenvolver, junto com o Igor (Cearense, agora auxiliar-técnico) a seqência do campeonato. Mas se ele quer sair pra mim não tem problema, se ele relamente noticiou que saiu, não tem problema nenhum não. Ele é um jogador plenamente substituível", concluiu Lana.  

Na sexta posição no Estadual, o Manaus FC encara o líder Rio Negro, às 18h deste sábado (22), no estádio da Colina. Uma derrota do Gavião no "Duelo das Aves" aliada a uma vitória do Holanda sobre o Nacional pode jogar o Verdão da Capital para a zona do rebaixamento do Barezão 2017.  

 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.