Sexta-feira, 10 de Abril de 2020
BAREZÃO

Penarol cede empate ao Iranduba nos minutos finais jogando em Itacoatiara

Com o resultado, o Penarol retoma a quarta colocação na tabela, com quatro pontos. Já o Iranduba, soma o primeiro ponto do torneio fora de casa e devolve o Fast para a lanterna



WhatsApp_Image_2020-01-29_at_17.47.38_5487C476-1F84-4AA9-BDB0-9EA2C1A430A2.jpeg Edinho Canutana, autor do primeiro gol do Penarol. Foto: Denir Simplício
29/01/2020 às 18:09

Em jogo de três pênaltis marcados, Penarol empata pelo placar de 2 a 2 com Iranduba, no jogo válido pela 3ª rodada do Barezão, na tarde desta quarta-feira (29), no estádio Floro de Mendonça, em Itacoatiara. Edinho Canutama e Nena anotaram a favor do Leão da Velha na estreia do time em casa no estadual deste ano. Digão (contra) e Caique marcaram para o Hulk.

Com o resultado, o azulão itacoatiarense retoma a quarta colocação na tabela, com quatro pontos. Já o Verdão Irandubense, soma o primeiro ponto do torneio fora de casa e devolve o Fast para a lanterna. 



Na próxima rodada, os dois times duelam no sábado (1º) em Manaus. O Penarol bate de frente contra o Amazonas no estádio Carlos Zamith e o Iranduba encara o São Raimundo, no estádio Ismael Benigno, a Colina. 

Empate heroico

Dominando as ações do confronto, na marca de 5 minutos, Guedes apareceu sozinho, limpou o goleiro Bruno Salgado, que deixou a perna e foi assinalado o pênalti. Na marca da cal, Railson bateu no canto direito pra defesa do arqueiro do Hulk.

Após desperdiçar a primeira chance clara de gol, o Penarol abriu o placar. Aos 9 minutos, Rascifran lançou Edinho Canutama, que aproveitou o erro de tempo de bola da defesa do Hulk, e de frente para o goleiro Thiago Salgado fez o drible e completou para o fundo das redes no Florão. 

Marcando 45 minutos, Thiago Bonfim meteu a mão na bola após se atrapalhar no lance e foi assinalada penalidade máxima para o Penarol. O atacante Nena, aos 47 minutos, foi na cobrança e bateu firme no canto direito sem chances para o goleiro do Hulk. 

Segundo tempo

Com postura diferente, na segunda etapa aos 8 minutos, o Iranduba descontou com gol contra do zagueiro Digão. Caíque, pela ponta direita, invadiu a grande área, ganhou de Tubarão, cruzou rasteiro e a bola bateu no defensor do Leão da Velha Serpa e balançou as redes de Rascifran. 

Incansável na partida, aos 12 minutos, Edinho Canutama de fora da área acertou um chutaço que explodiu no travessão. Marcando 30 minutos no Floro de Mendonça, o Iranduba tomou conta do jogo. Caique, mais uma vez, ganhou a jogada em cima de Tubarão, bateu cruzado para a defesa do goleiro Renan Paredão, que substituiu Rascifran no inicio do segundo tempo. 

Aos 46 minutos, depois de muita insistência, Caique fez jogada individual pela esquerda na grande área e acabou derrubado. Pablo, aos 48 minutos, cobrou e empatou o duelo no Floro de Mendonça.

News 48367672 1136721996505445 2342939255929569280 n 2dad860c 0057 4e2e b7f5 f53181960f2f
Repórter do Craque
Jornalista formado na Ufam, campus de Parintins. Estudante de pós-graduação em jornalismo esportivo na Universidade Estácio de Sá. Repórter do Caderno de Esporte ‘Craque’ de A Crítica desde novembro de 2018.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.