Publicidade
Esportes
Iranduba

Presidente da Fafs explica punição ao Iranduba: 'A punição da CBFs não é só ao Iranduba, é ao estado do Amazonas '

O mandatário rebateu as acusações do Iranduba e explicou a decisão de punir o clube em esfera estadual 30/09/2017 às 13:39 - Atualizado em 30/09/2017 às 13:40
Show show 1
(Foto: Arquivo AC)
acritica.com Manaus (AM)

O presidente da Federação Amazonense de Futsal, Tharcísio Anchieta, esclareceu o posicionamento da entidade quanto à decisão de punir o Iranduba com a suspensão das competições da entidade até dezembro de 2019 e pagamento de multa de R$10 mil. A decisão foi tomada em reunião extraordinária no dia 28 de setembro de forma unânime.

De acordo com Anchieta, o principal motivo de estender a punição para nível estadual foi que a desistência do Iranduba prejudicou o estado do Amazonas. "O Iranduba deixou de ir para a Taça Brasil, que é uma competição nacional e foi punido pela CBFs. Os clubes do estado se reuniram em assembleia e entederam por bem fazer que a punição seja acompanhada em nível estadual. A punição da CBFs não é só ao Iranduba, é ao estado do Amazonas todo, que saiu da série especial para a serie B. Então além de cair três divisões, o Amazonas deixou de ser sediante do Campeonato Brasileiro sub-20, que seria aqui, por isso a decisão", explicou.

Quanto ao sediamento do Campeonato Brasileiro, a sugestão dada na reunião foi que o Estrela do Norte e o Ninho de Águias dividissem os custos da organização do evento para que a competição continuasse no Amazonas, o que deve ser apresentado à CBFs nos próximos dias.

Segundo a ata da reunião, "o presidente da FAFS sugeriu que as equipes Estrela do Norte e Ninho de Águias, respectivamente vice campeãs dos estatuais 2016 e 2017, assumam os custos do sediamento da Taça Brasil SUB20 Feminino para que a mesma ocorra em Manaus, nas mesmas datas e condições anteriormente apresentadas à CBFS, a fim de não causar prejuízo às equipes que já haviam se preparado para jogar em Manaus. Todos concordaram e passaram a definir valores e forma de divisão dos custos ficando a equipe Associação Desportiva Arsenal como sediante e os custos serão divididos com o Estrela do Norte".

Publicidade
Publicidade