Publicidade
Esportes
NÃO DEU!

Princesa do Solimões é derrotado pelo Inter e dá adeus a Copa do Brasil

No seu primeiro jogo na competição, o time foi eliminado pelo Internacional após perder por 2 a 0 nesta quarta-feira (15) 15/02/2017 às 22:05
Show inter0555
Tubarão perdeu por 2 a 0. Foto: Divulgação/ Twitter Internacional
Valter Cardoso Manaus

Durou pouco a participação do Princesa do Solimões na Copa do Brasil. No seu primeiro jogo na competição, o time foi eliminado pelo Internacional após perder por 2 a 0 nesta quarta-feira (15). A partida teve momentos de igualdade, mas a falta de ritmo prejudicou o time amazonense, que disputava seu primeiro jogo oficial da temporada.

“Dentro da proposta de trabalho, a gente conseguiu fazer o que o professor pediu. Infelizmente a gente não conseguiu vencer. O Inter foi melhor e mereceu vencer”, analisou o zagueiro do Princesa do Solimões, Cristiano Natal.

 O Princesa do Solimões volta a campo apenas no dia 7 de março quando disputa o Torneio Início, contra o Rio Negro. 

O jogo
Até os primeiros 10 minutos de jogo, foram poucas chances claras de gol. Com poucos espaços para atacar, o Internacional dominava a posse de bola mas tinha dificuldade em articular jogadas mais trabalhadas. O Princesa, no contra-golpe não chegava com jogadores suficientes para assustar e buscava os chutes de longe, mas sem perigo. 

Com o decorrer do primeiro da primeira etapa, o time gaúcho passou a crescer no jogo e chegou a marcar com Paulão, mas o árbitro anulou o lance.

Aos 34, o lance polêmico. Marinelson avançou na área do Internacional e foi derrubado, mas a arbitragem mandou o jogo seguir.

O Colorado passou então a usar as bolas aéreas e levava perigo ao gol do goleiro Rascifran. Mesmo assim, o placar terminou empatado em 0 a 0.

O cenário do jogo parecia ser diferente na segunda etapa. O Princesa do Solimões passou a arriscar mais e chegou a assustar os gaúchos.

Mas o preparo físico fez diferença, o Inter passou a ter mais espaço e Valdívia abriu o placar após receber com liberdade na entrada da área, aos 15 minutos. Com o gol o time amazonense precisou se expor e aos 35, Brenner teve espaço para dominar no peito e finalizar forte de dentro da área para dar números finais a partida. D’Alessandro chegou a acertar o travessão no último lance da partida, mas não alterou o placar.

Publicidade
Publicidade