Publicidade
Esportes
Copa do Brasil

Princesa do Solimões é eliminado pela Chapecoense da Copa do Brasil

Time ainda teve um pênalti a seu favor, mas não converteu e foi derrotado por 2 a 0, em Chapecó-SC 14/04/2016 às 23:22 - Atualizado em 14/04/2016 às 23:23
Show chape
Thaissa Cordeiro Manaus-AM

O Princesa do Solimões se despediu da Copa do Brasil na noite desta quinta-feira (14), mesmo com dois jogadores a mais, a equipe não conseguiu reverter o placar de 1 a 0 para a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó-SC.

No jogo de ida, o time comandado por Zé Marco perdeu de 2 a 1 no Gilbertão, e precisava vencer por dois de diferença, o tubarão do norte até ameaçou abrir o placar no primeiro tempo com os entrosados Michell Parintins, Nando, Canutama e Lacraia  que entrou no lugar de Wander.

Logo aos cinco minutos da etapa completar, Josimar cobrou falta, a bola bateu na trave e sobrou para Kempes, que não desperdiçou, por pouco o jogador não se tornou o vilão da partida, após a bola bater no seu braço, o juiz marcou pênalti para os amazonenses.

A reação do clube poderia vir nos pés do camisa 7, Michell Parintins, mas o meia bateu mal na bola, e não conseguiu diminuir para os visitantes. Quando tudo parecia ir de mal a pior para o Princesa, os jogadores Marcelo e Claudio Winck pelo lado da Chapecoense foram expulsos por entradas violentas.

O time amazonense não conseguiu aproveitar as oportunidades com os dois jogadores a mais na partida, tanto que, aos 48’ da etapa final, Hitalo faz pênalti em Maranhão. Rodrigo Andrade cobra e sacramenta a classificação da Chapecó.

 Eliminado, os manacapuruenses têm um bom tempo para se preparar para o Campeonato Brasileiro da Série D, no dia 12 de junho, diante de uma equipe de Roraima. Ainda no grupo A2 estão um time do Pará e outro do Tocantins.

Classificados para a segunda fase, os catarinenses aguardam o vencedor de Paraná e Estanciano-SE que empataram em 1 a 1 e voltam a se enfrentar no dia 21 de abril, na Vila Capanema, em Curitiba.

Publicidade
Publicidade