Publicidade
Esportes
Craque

Princesa vence sob pressão do Manaus F.C e se classifica para semifinal do Estadual

Tubarão saiu atrás do placar por duas vezes, mas aos 48 da segunda etapa virou o jogo. Resultado garantiu a equipe matematicamente nas semifinais. 17/05/2015 às 21:37
Show 1
O cara: Com dois gols e uma assistência, Léo Paraíba (Esq.) foi bastante festejado pelos colegas
Anderson Silva Manaus (AM)

Quem achava que seria fácil o Princesa passar pelo time misto do Manaus F.C, com profissionais e juniores, se enganou. Isso porque, o Gavião que mandou embora os jogadores com alto salarial foi a campo, na tarde de ontem, no estádio Carlos Zamith, com seis atletas que vão disputar o Campeonato Amazonense Júnior e ainda assim ficou na frente do placar por duas vezes, por pouco não venceu, e acabou tomando a virada nos acréscimos. 3 a 2.

Os gols da vitória do Tubarão foram marcados por Léo Paraíba (2) e Gilson. Everson e Bruno Silva fizeram para o Manaus F.C.

O resultado garantiu matematicamente o Princesa nas semifinais, que faltando duas rodadas ainda luta pela vice-liderança com o Fast, que possui os mesmos 34 pontos.

Na oitava colocação, o Manaus soma 18 pontos e não pode ser alcançado pelos lanterninhas Rio Negro e Operário.

Pressão do Manaus F.C

Os cinco primeiros minutos já mostravam o que seria o jogo. Com um forte ritmo e muita correria, os jogadores do Manaus partiram para o ataque.

Na cobrança de falta de Meireles para a área, aos 5 minutos, saiu o primeiro gol. Everson Bilau escorou para fazer 1 a 0.

Sem abalo, o Princesa não demorou muito para empatar. Aos 11, Léo Paraíba saiu da marcação, após receber de Carlinhos, e tocou na saída do goleiro. 1 a 1.

O time do interior até rondava a grande área do Manaus com Edinho Canutama, que enfrentou uma forte marcação. Por outro lado, Everson e Purá tentavam assustar Rasci.

O Princesa que já tinha perdido o atacante Douglas com uma lesão no tornozelo ainda no início, e foi substituído por Juan, também perdeu o zagueiro Danilo, que de imediato foi substituído por Deurick.

Aos 43, aproveitando uma falha do goleiro Rasci, Bruno Silva balançou as redes, após cobrança de falta de Meireles para área. 2 a 1.

No segundo tempo, o Manaus ainda conseguiu suportar a pressão do Tubarão até os 21, com a entrada de Junior Lacraia no lugar de Emerson e a expulsão do volante Paulo Henrique. O Princesa ainda perdeu um pênalti com Edinho Canutama.

Aos 35, Léo Paraíba cobrou falta pra área e Gilson conseguiu desviar para as redes. 2 a 2. O Manaus ainda teve chance de marcar com Célio e Everson frente a frente com o goleiro, mas foi Léo Paraíba que marcou em cobrança de falta pela direita e a bola desviar em Bruno Silva. 3 a 2.

Publicidade
Publicidade