Publicidade
Esportes
FRAUDE

Procuradores espanhóis acusam Mourinho de sonegar 3,3 milhões de euros

Mourinho deve às autoridades tributárias espanholas 3,3 milhões de euros, disse a Procuradoria de Madri em comunicado, acrescentando que apresentou denúncia a um tribunal 20/06/2017 às 07:56 - Atualizado em 20/06/2017 às 07:56
Show mourinho
Mourinho é acusado de fraude fiscal quando comandava o Real Madrid
Reuters

Procuradores espanhóis anunciaram nesta terça-feira a abertura de uma ação contra o técnico do Manchester United, José Mourinho, por duas acusações de fraude fiscal em 2011 e 2012, quando o treinador português comandava o Real Madrid.

Mourinho deve às autoridades tributárias espanholas 3,3 milhões de euros, disse a Procuradoria de Madri em comunicado, acrescentando que apresentou denúncia a um tribunal local. Atualmente ele é tecnico do time inglês, Manchester United.  

Publicidade
Publicidade