Publicidade
Esportes
OTIMISTAS

Projetando brigar pelo topo da tabela, Nacional e Manaus se enfrentam no Barezão

O confronto põe frente a frente trabalho de técnico recém chegado ao Nacional e terceiro ano de Igor Cearense no comando do Manaus. 18/03/2017 às 05:00
Show  asl7222
No Torneio Início, os times terminaram empatados em 0 a 0 e o Nacional avançou nos pênaltis. (Foto: Antônio Lima)
Valter Cardoso Manaus-AM

Sábado a noite, e a festa do futebol tem lugar marcado para acontecer. A partir de 19h, Nacional e Manaus dão início a suas campanhas no Barezão 2017 com o mesmo objetivo: brigar pelo topo da tabela de classificação.

Após um ano amargo, o Nacional já teve um período turbulento após ficar de fora da fase principal da Copa Verde. O objetivo agora é dar a volta por cima. “A nossa expectativa é muito boa, é de fazer um bom campeonato. Estreia sempre gera uma certa ansiedade por parte das pessoas que querem ver esse trabalho acontecer de forma positiva”, analisou o treinador do Leão da Vila Municipal, Arthur Bernardes, que reconheceu o bom elenco do adversário.

“Com relação ao Manaus é uma equipe que a gente viu jogar, foi perigosa lá no Torneio Início, mas é um equipe que bem treinada. Então nós temos que fazer um trabalho com muito cuidado, ter precauções, ser um time bem competitivo e na estreia não deixar de pontuar para que a gente possa começar um campeonato com confiança e que o nosso torcedor venha a acreditar que o que estamos fazendo é o melhor”, finalizou Bernardes. 

 Se depender da confiança do treinador rival, o Nacional realmente  tem motivos para ficar preocupado. “Estou muito feliz, pois nesses 30 dias de preparação fizemos quatro amistosos e tiramos muito proveito, corrigindo as deficiências e agora estamos aptos para a estreia. Com todo respeito à equipe do Nacional, é um clássico em que os grandes jogadores aparecem, os jovens e os experientes. Acredito que este ano será um ano de mais vitórias e que o nosso trabalho possa aparecer mais com resultados positivos”, analisou o treinador do Manaus, Igor Cearense, que vai para o terceiro ano no comando da equipe.

Publicidade
Publicidade