Quinta-feira, 20 de Junho de 2019
CONSCIÊNCIA

Projeto Endurance Corrida Limpa incentiva atletas a se hidratarem sem sujar as ruas

Projeto tem o objetivo de realizar corridas limpas, com lixeiras nos pontos de hidratação das provas



WhatsApp_Image_2019-02-27_at_17.46.21_3DC3356F-7E52-4342-B9EE-BAF58BA49DDE.jpeg Foto: divulgação
03/03/2019 às 15:46

Uma coisa que não combina com a vida esportiva é a produção de sujeira e a falta de educação. Então, por que nas corridas de rua os atletas precisam jogar na rua os copinhos ou garrafinhas de água que recebem nos pontos de hidratação? Foi para evitar que as ruas fiquem sujas durante as corridas que surgiu o “Projeto Endurance Corrida limpa”, que tem feito parte das provas realizadas pela Endurance Sports Amazonas, a partir deste ano. 
“Nós começamos a usar essas lixeiras nos nossos eventos. Em princípio, adquirimos 120 lixeiras, e a gente está tentando mudar um pouco a consciência do corredor, para que ele não fique jogando copos no chão porque eles vão encontrar as lixeiras distribuídas logo após os pontos de água. Assim mudamos um pouco a consciência das pessoas e deixamos os percursos das corridas mais limpos”, destaca Erivelton Almeida, diretor da Endurance.


Ideia veio dos gringos
O projeto foi criado a partir de uma ideia de Erivelton, que participou da Maratona de Paris duas vezes, e percebeu que lá a organização incentivava os atletas a jogarem o lixo no lixo, e mesmo assim ele observou muitos copinhos pelo chão.  Erivelton também notou o lixo em outras corridas que fez, e finalmente decidiu buscar a mudança de atitude dos amazonenses nas corridas locais. “No começo do ano, fui correr na Disney, e fiquei impressionado com a limpeza do percurso, então voltei motivado a começar um trabalho de médio a longo prazo, iniciando com as lixeiras de papelão e campanhas de incentivo para que os atletas joguem seus lixos nelas”, explica ele.  


A Endurance está divulgando a campanha aos corredores para que ela tenha mais sucesso nas provas, e já tem alcançado excelentes resultados. “Isso acarreta um benefício para o próprio corredor, que tem de imediato um percurso mais limpo para correr, e temos também um percurso menos poluído para quem passa e assiste à prova, no momento em que ela está acontecendo”.


Resultados
Na primeira corrida com a campanha, 40% dos atletas aderiram à campanha, e na segunda, a corrida da Cia Sport Run, impressionantes 98% dos copinhos de água foram jogados nas lixeiras. “O resultado é surpreendente. Com a primeira experiência, observamos que era preciso maior empenho na comunicação, tanto por parte da locução como através de placas informativas. Uma vez que mudamos nossa estratégia, percebemos a adesão da imensa maioria de participantes, ao ponto deles mesmos chamarem a atenção de quem insiste em jogar o copinho fora da lixeira”, relatou Erivelton.
Para o futuro, o objetivo é dar continuidade e melhorar o projeto. “Vamos persistir na Campanha e aprimorar ainda mais o tamanho das lixeiras, pois, o que conseguimos em dois eventos já é algo motivador para melhorarmos mais e mais!”, destaca.

 

Em alguns lugares pelo mundo, as  provas usam copos de papel, não de plástico.

Em competições pelo mundo, incluindo maratonas e triathlons, os copos distribuídos aos atletas são de papel, entregues com água ou isotônico. Uma saída ainda mais sustentável, visto que o plástico pode continuar existindo por até 450 anos após ser descartado; já o papel leva cerca de três meses para se decompor, segundos dados do site da Unicef. Para Erivelton, usar copos de papel seria positivo.

“Teríamos um apelo muito maior sobre a importância do tema sustentabilidade, para mantermos não apenas os eventos limpos, mas, para servir de exemplos para outros setores da sociedade, afinal, se conseguimos uma mudança enorme em apenas duas investidas, imagina o quanto chamaríamos a atenção se conseguíssemos convencer as empresas a fabricar o copinho de papel. Por que não tentar?”, disse. 


 Enquanto ainda não tem os copinhos de papel, Erivelton destaca que o material usado nas corridas é recolhido por uma empresa de coleta e tratamento de lixo, que concede à Endurance um certificado de destinação correta do lixo. 

Receba Novidades


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.