Publicidade
Esportes
'La Duodcima'

Real Madrid bate Juventus e conquista 12ª Liga dos Campeões

Com novo show do português Cristiano Ronaldo e gol do brasileiro Casemiro, os merengues vencem os italianos da Juve e voltam a erguer o troféu de clubes mais importante do mundo 03/06/2017 às 16:44 - Atualizado em 03/06/2017 às 18:47
Show er
CR7 marcou duas vezes e despachou a Juventus de Buffon, no País de Gales (Foto: Reuters)
acrítica.com Manaus (AM)

La duodécima é do Real. Em um jogaço de futebol, o Real Madrid goleou a Juventus, por 4 a 1, na grande decisão da Liga dos Campeões da Europa, na tarde deste sábado (3), em Cardiff, no País de Gales, e conquistou seu décimo segundo título no torneio. Em tarde inspirada do português Cristiano Ronaldo, que marcou duas vezes - Casemiro e Asensio, para o Real, e Manduzic, para a Juve, completaram o marcador - os madrilenhos massacraram a Vecchia Signora e ratificaram a condição de maior vencedor da maior competição de clubes do planeta.

CR7 marcou duas vezes na final (Foto: Reusters)

Pela primeira vez na história da Champions League em sua chamada era moderna tem um bicampeão do torneio. De forma inapelável, o Real Madrid se mostrou superior em todo o jogo. CR7 mostrou mais uma vez que tem estrela e deixou por duas vezes sua marca na finalíssima. O que credencia o craque português a conquistar mais uma Bola de Ouro da Fifa - o que seria sua 5ª conquista se igualando a Lionel Messi - como melhor jogador da temporada.

O duelo entre espanhóis e italianos começou com a Juventus pressionando a equipe comandada pelo francês Zinedine Zidane. Com duas belas defesas, o goleiro Navas salvou o Real nos minutos iniciais do jogo. No entanto, quem tem CR7 tem poder de fogo e foi o que aconteceu. O Português abriu o placar aos 19 minutos depois de passe de Carvajal, que ainda contou com leve desvio na zaga italiana antes de passar pelo experiente Buffon.

Golaço da Juve

O Real começava a gostar do jogo quando a Juventus resolveu mostrar sua força. Alex Sandro lançou bola na área para Higuaín arrumar para Mandzukic fazer um golaço de meia bicicleta. Jogo empatado e a tensão volta a imperar em Cardiff. Antes do final do primeiro tempo, CR7 tentou dar sua pedalada, mas a bola explodiu na zaga italiana.

Na volta do intervalo os merengues resolveram provar porque são os maiores vencedores da Liga dos Campeões. 

Massacre Merengue

Aos 15 minutos, briga pela bola no meio de campo e Alex Sandro corta mal, a sobra vem mansinha para o chutaço de Casemiro, que ainda conta com desvio em Khedira antes de passar por Buffon e morrer no fundo do gol. Real 2 a 1 pra cima da Juve.

"Casemito" marca o dele na decisão (Foto: Reuters)

A Vecchia Signora ainda se recuperava do segundo gol quando Cristiano Ronaldo deixou o sonho do tri da Juventus mais distante. Modric troca passes com Carvajal e chega na linha de fundo. O croata cruza na pequena área e como uma flecha, CR7 desvia pras traves de Buffon que nada pode fazer. Madrid 3 a 0.

CR7 desvia antes de Buffon (Foto: Reuters)

O golpe de misericórdia sobre a Juve veio pelos pés de Asensio, que completa cruzamento de Marcelo. Antes do quarto gol do Real, o colombiano Cuadrado foi mais cedo pro banheiro ao ser expulso por entrada mais forte sobre Sérgio Ramos.

Festa em Cardiff pelo lado dos espanhóis, tristeza pelo lado italiano, que deixou escapar pela sétima vez a conquista da Champions. Real Madrid campeão da Liga dos Campeões pela décima segunda vez na história.  

 

   

Publicidade
Publicidade