Quarta-feira, 18 de Setembro de 2019
Craque

Rio Negro goleia o Tarumã na despedida do ‘Lobo do Norte’

O Galo não teve piedade do jovem time do Tarumã e sapecou 4 a 1 na equipe rubro negro. O time Barriga Preta está a um empate de ser campeão da Segundinha do Amazonense



1.jpg Galo não teve piedade do Lobo do Norte e meteu 4 gols na despedida da equipe rubro negra na competição.
01/12/2014 às 10:06

Na despedida do Tarumã da Série B do Campeonato Amazonense o Rio Negro tratou de dar um “tchau” ao adversário com uma goleada de 4 a 1, e uma atuação convincente, na tarde de ontem, no estádio Ismael Benigno, a Colina. Apenas 40 torcedores pagaram ingresso para acompanhar a partida.

Os gols do Galo foram marcados por Luan, Rafael Oliveira, Serginho e Weverton. O artilheiro da competição, Junior Neymar, descontou para o Tarumã e de quebra elevou o número de gols para oito na competição.

Sem chances de brigar pelo acesso à Primeirona, o Lobo do Norte entrou em campo, como fez durante toda a disputa, apenas para dar experiência aos jogadores que vão participar da Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2015. O Tarumã encerrou a participação na Série B, pois na última rodada, no meio de semana, folga na tabela.

Campeão da Taça Estado do Amazonas e com o acesso garantido, o Rio Negro corre apenas para garantir o título da Série B, o que poderá ocorrer na quarta-feira (03) se vencer Operário, no estádio Jornalista Carlos Zamith, às 20h.

Briga pela artilharia

Com Junior Neymar totalizando oito gols marcados e com a participação encerrada na Série B, os atacantes do Rio Negro, Tiago Verçosa, com seis gols, e Weverton, com cinco gols, ao lado de Charles, do Operário, terão mais uma chance de ao menos tentar igualar ou ultrapassar o jovem artilheiro de 20 anos do Tarumã. Se o Rio Negro não for campeão ocorrerá o jogo da final dos campeões dos turnos. 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.