Publicidade
Esportes
Craque

Rio Negro/Mustangs inicia trabalhos de base na busca de valorizar o futebol americano

Equipe aposta em garotos de 14 a 17 anos para dar sequência e valorização na era do esporte da ‘bola oval’ no Estado 23/01/2013 às 12:34
Show 1
Mustangs quer popularizar futebol americano com o Rio Negro
Acritica.com Manaus

Após quatro meses da parceria entre o time de futebol americano Mustangs com o Atlético Rio Negro Clube, o time agora chamado de Rio Negro/Mustangs parte para mais uma nova etapa com a criação da categoria sub-17. O projeto idealizado junto com os clubes que disputam o Campeonato Amazonense de Futebol Americano (Manaus Cavaliers, Ajuricaba Warriors e Amazon Black Hawks) promete colher novos frutos e valorizar o esporte no Amazonas.

“A ideia surgiu em uma reunião com todos os clubes no ano passado e assim demos o ponta-pé inicial no sábado (19), com apenas quatro jogadores. Como fizemos uma divulgação no facebook agora contamos com 16 garotos, de 14 a 17 anos”, explica o responsável pelas categorias de base, Jeanderson Nunes, 36 anos, que possui experiência nacional sendo campeão do torneio Touchdow, pelo Vila Velha Tritões (ES), em 2008, ao vencer o Vasco da Gama Patriotas. A competição é uma espécie de Brasileiro da modalidade.

O presidente do Rio Negro/Mustangs, Mauro Soares, acredita que com a categoria de base haverá uma continuidade e valorização do esporte, preparando os atletas para o time adulto.

“O sub-17 é uma preparação para jogar o adulto, assim não perdemos tempo treinando o jogador que chega sem saber nada, nem regras, tendo que aprender tudo, pois quando chegarem ao time principal estarão com uma vantagem”,  conta Mauro que quer apagar de vez a imagem que o futebol americano é um esporte violento.

“Estamos fazendo isso para justamente quebrar o conceito de esporte violento, temos até um time feminino. Queremos espalhar de vez o esporte no Amazonas”, finaliza.

Time principal se prepara para competição

O time principal segue a preparação para o 2º Jungle Bowl, competição que vai reunir as equipes Manaus Cavaliers, Ajuricaba Warriors e o representante paraense Belém Titans nos dias 29, 30 e 31 de março no Campo da Nilton Lins, Zona Centro-Sul. Por não ter participado da competição realizada em abril do ano passado, o Rio Negro/Mustangs vai disputar uma vaga com o Amazon Black Hawks, último colocado da competição, no dia 2 de março.

Publicidade
Publicidade