Publicidade
Esportes
Justificativas

Rodrigo Caetano pede desculpas e questiona a qualidade do elenco do Flamengo

Dirigente diz que o time ainda não deu liga e que a diretoria ainda tenta identificar o motivo 20/05/2016 às 09:44 - Atualizado em 20/05/2016 às 09:49
Show rodrigo caetano
O diretor de futebol afirmou que conversou com o presidente do Fla sobre a situação do time (Foto: Reprodução)
acritica.com Manaus (AM)

Após o vexame diante do Fortaleza que custou a eliminação na Copa do Brasil, o diretor executivo de futebol do Flamengo, Rodrigo Caetano,  deu entrevista coletiva no Ninho do Urubu após as atividades dos atletas, que aconteceu às 15h. Visivelmente abatido, o dirigente pediu desculpas pela atuação do time.

"Existe a vergonha pela eliminação e nos resta o Campeonato Brasileiro. Pedimos desculpas ao torcedor. Conversamos com o presidente Eduardo Bandeira de Mello com o objetivo de tentar passar ao campo o que falamos fora dele. Entendíamos que o nosso início seria totalmente diferente. Isso é o que mais preocupa. Não conseguimos ainda dar a famosa liga", disse o diretor executivo.

Caetano também chefou a questionar a qualidade do elenco montado em 2016.

“Pedimos desculpas aos torcedores. É uma temporada frustrante, não há dúvida. Planejamos para que tudo fosse diferente. Fizemos uma excelente pré-temporada. No entendimento da comissão e dos dirigentes temos um elenco equilibrado que não se traduz em resultados.Mas o número de derrotas é preocupante, não conseguimos reagir no ano. Até que ponto temos esse elenco equilibrado mesmo? Já passou da hora desse elenco fazer valer o investimento feito. Jogadores que por onde passaram tiveram sucesso, juntos não deram retorno, justificou.

Caetano admitiu conversas com o presidente do Clube, Eduardo Bandeira de Melo, e disse que juntos fizeram análises para identificar os problemas do time. Além disto, ele afimou que quando o treinador Muricy Ramalho, que está em São Paulo fazendo exames médicos, novas análises serão feitas.

“Aguardamos o retorno de Muricy para entendermos juntos o motivo de a equipe não estar rendendo. Imaginávamos que nosso início seria completamente diferente do que está acontecendo. Mas minha área não é o campo. O Flamengo ainda não conseguiu dar a famosa liga e justificar o investimento”, explicou.

Publicidade
Publicidade