Quarta-feira, 03 de Junho de 2020
PARAGUAI

Ronaldinho Gaúcho vai para prisão domiciliar em hotel de Assunção

O jogador e o irmão, Assis, estão detidos em um quartel policial nos arredores da capital paraguaia há cerca de um mês



download__5__AA9BD9C6-FCC9-4248-A0C7-9BBA1085C216.jpg Foto: Jorge Adorno/Reuters
07/04/2020 às 18:14

O ex-jogador Ronaldinho Gaúcho e seu irmão Roberto Assis vão cumprir prisão domiciliar em um hotel do centro de Assunção, decidiu nesta terça-feira (7) o juiz do Paraguai responsável pela investigação em que ambos são acusados de usar passaportes com conteúdo falso para ingressar no país.

O juiz Gustavo Amarilla disse que tomou a decisão de conceder a medida cautelar porque a procuradoria não encontrou elementos para ampliar a denúncia contra o jogador e seu irmão, e porque os acusados apresentaram uma fiança de 800 mil dólares cada, que foi depositada em um banco local.



Ronaldinho e Assis estão detidos em um quartel policial nos arredores da capital paraguaia há cerca de um mês.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.