Publicidade
Esportes
UFC 208

Ex-campeão, Anderson Silva volta ao octógono e tenta reencontra o caminho das vitórias

Entre cinco brasileiros que lutam no UFC, em Nova York, está o capixaba radicado no Amazonas, Ronaldo Jacaré, que encara Tim Boestch 11/02/2017 às 05:42
Show spider
Anderson Silva lidera os brasileiros em lutas importantes na noite deste sábado (Foto: Getty Imagens)
Camila Leonel Manaus (AM)

A luta principal do UFC 208, que acontece neste sábado (11), é entre Holly Holm e Germaine de Randamie em luta que define a campeã inaugural da categoria peso-pena, mas no Brasil, os olhos estarão para os brasileiros que subirão no octógono no Brooklyn, em Nova York. Serão cinco no total, destes, três lutam no Card Principal: Anderson Silva - contra Derek Brunson, no peso médio - e Ronaldo Jacaré - contra Tim Boestch, no peso médio; Glover Teixeira - contra Jared Cannonier, nos meio pesados. Wilson Reis e Roan Jucão lutam no card preliminar.

E com tanto brasileiro no evento, Anderson Silva espera que o “time Brasil” possa terminar a noite com 100% de aproveitamento.

“Para mim, a melhor situação é a vitória de todos os brasileiros”, disse Anderson, “Sei que é uma luta você tem 50% de chance e seu oponente outros 50%, mas estou muito empolgado porque todos os atletas escalados para sábado estão trabalhando duro para os fãs. Eu respeito todos, Deus abençoe todos os lutadores, e vamos ao trabalho”.

E para que o Brasil termine a noite vencendo todas as lutas, Anderson Silva tem que vencer Brunson. O lutador de 41 anos não vence há quatro lutas, mas vem se preparando para reencontrar as vitórias no evento que o consagrou como um dos melhores do mundo. No treino aberto, que aconteceu na última quinta-feira, o brasileiro recebeu o carinho dos fãs.

“É o respeito que as pessoas têm pelo meu trabalho e o carinho por tudo que construímos no esporte. É o reconhecimento. Fico muito feliz”, declarou.

Se no Brasil, Anderson tem o carinho dos fãs, dos adversários existe o respeito. O americano Derek Brunson, que venceu quatro das últimas cinco lutas, falou que não acredita que o adversário esteja em decadência.

“Ele passou por algumas situações estranhas. Bisping é o campeão, e Anderson o nocauteou, mas a luta foi reiniciada. Ele ainda é mais rápido que 95% dos pesos-médios. A habilidade ainda está lá. Não acho que ele está em declínio. Vejo o mesmo Anderson de sempre. Ele vai tentar te frustrar, tentar ditar o ritmo da luta”, declarou.

Confira o card completo do UFC 208:

Card Principal

Peso-pena: Holly Holm x Germaine De Randamie

Peso-médio: Anderson Silva x Derek Brunson

Peso-médio: Ronaldo Jacaré x Tim Boestch

Peso-meio-pesado: Glover Teixeira x Jared Cannonier

Peso-leve: Dustin Poirier x Jim Miller

Card Preliminar

Peso-mosca: Ian McCall x Jarred Brooks

Peso-mosca: Wilson Reis x Yuta Sasaki

Peso-médio: Ryan LaFlare x Roan Jucão

Peso-leve: Nik Lentz x Islam Makhachev

Peso-pena: Rick Glenn x Phillipe Nover

Publicidade
Publicidade