Quinta-feira, 20 de Fevereiro de 2020
SEGREDO REVELADO

Saiba mais sobre a estratégia dos times na disputa do Barezão 2020

​Assim como em edições anteriores, o campeonato terá jogos transmitidos pela TV A Crítica nas terças e quintas-feiras



Untitled__3__CF0A2EDB-C169-4D32-A074-6F18021AF566.jpg Foto: Arquivo AC/ Montagem
18/01/2020 às 16:20

Na tarde de sexta-feira (17), na Arena da Amazônia, aconteceu o lançamento oficial do Campeonato Amazonense 2020. O torneio, que vai pra sua 104ª edição, conta com 8 equipes e tem 64 jogos programados.

O lançamento contou com a presença de representantes de todas as 8 equipes do Barezão. Dissica Valério Tomaz (presidente da Federação Amazonense de Futebol), Caio André (diretor presidente da Fundação Amazonas de Alto Rendimento), Edson Rosas (presidente do Tribunal de Justiça Desportiva do Amazonas), Vladimir Bastos (presidente da Comissão Estadual de Arbitragem da Federação Amazonense de Futebol) e Paulo Roberto (presidente de Associação de Cronistas e Locutores Esportivos do Amazonas) também estiveram presentes no evento.



Assim como em edições anteriores, o Campeonato Amazonense 2020 terá jogos transmitidos pela TV A Crítica nas terças e quintas. O primeiro jogo a ser transmitido será a abertura entre Manaus e São Raimundo. O jogo acontece às 20h30 de terça-feira (21), na Arena da Amazônia.

Equipes

Manaus Futebol Clube, São Raimundo Esporte Clube, Princesa do Solimões Esporte Clube, Penarol Atlético Clube, Fast Clube, Amazonas Futebol Clube, Nacional Futebol Clube e Esporte Clube Iranduba da Amazônia são as  equipes que compõem a Série A do Barezão.

Fórmula de disputa

A fórmula deste ano segue sendo a mesma do ano passado. Em chave única, 8 equipes lutam por 4 vagas nas semifinais do 1º e 2º turno. Tanto a semifinal quanto a final de turno são disputadas em jogo único, com o time de melhor campanha ficando com o mando de campo e com a vantagem do empate.

Os vencedores de cada turno conquistam vagas para a Copa do Brasil 2021, Copa Verde 2021 e para o Brasileirão - Série D 2021 (caso o Manaus Futebol Clube, que joga a Série C do Brasileiro este ano, conquiste um dos turnos, a vaga à Série D fica com a equipe de melhor campanha na classificação geral do estadual).

Os campeões de turno decidem o Barezão em dois jogos. Em caso de dois resultados iguais, o campeão será aquele que tenha obtido o melhor índice técnico na soma das duas fases classificatórias dos turnos. Caso uma mesma equipe vença 1º e 2º turno, a equipe em questão será oficializada como campeã amazonense de 2020.

Manaus Futebol Clube

Campeão das últimas 3 temporadas do Barezão, o Manaus Futebol Clube aparece ainda mais forte no ano de 2020, após a conquista do vice-campeonato da Série D, no ano passado, que garantiu a equipe esmeraldina na Série C deste ano.

‘Turbinado’ com a chegada de novos patrocinadores, o Gavião do Norte qualificou ainda mais o seu elenco, que conta até com reforços internacionais. Dos 29 jogadores anunciados, 4 são colombianos.

Boa parte da base do ano passado foi mantida, incluindo o próprio treinador, Wellington Fajardo. Jogadores que caíram nas graças da torcida amazonense, como o meia-atacante Rossini e o meia Hamilton (que retorna ao clube após passagem pelo Brusque-SC), também permanecem no Gavião.

A estreia do Manaus Futebol Clube no Barezão acontece nesta terça (21/01), às 20h30, na Arena da Amazônia. O adversário é o São Raimundo, que ano passado, disputou a Série B do Estadual, sendo vice-campeão.

São Raimundo E.C

Após disputar a Série B do Campeonato Amazonense em 2019, sendo vice-campeão, o São Raimundo está de volta à elite.

Campeão estadual pela última vez no ano de 2006 (em troféu conquistado de forma invicta), o Tufão da Colina entra na disputa do Barezão 2020 sem o poderio financeiro de adversários postulantes ao título. Porém, se engana quem pensa que o alviceleste não pode chegar mais longe na competição.

Este ano, o clube fez parceria com o Clipper, equipe que disputou a Série B Estadual ano passado, mas não conseguiu o acesso. Contando com peças da Águia Dourada do Parque 10, como o centroavante Stronda, o meia-atacante Carlos Junior e o treinador Mazinho, o São Raimundo visa fazer uma campanha digna, deixando no passado o rebaixamento sofrido.

A estreia do São Raimundo acontece nesta terça (21/01), às 20h30, na Arena da Amazônia. O adversário será o Manaus Futebol Clube, atual tricampeão do Barezão.

Princesa do Solimões E. C

Longe de exercer o protagonismo de temporadas anteriores, o Princesa do Solimões montou um elenco repleto de atletas conhecidos no cenário local e conta com o ‘fator casa’ para chegar longe nesse Barezão.

Em 2019, o Tubarão do Norte foi eliminado nas semifinais do primeiro e segundo turno. Mandando seus jogos no estádio Gilbertão, a equipe perdeu apenas uma partida em seus domínios, o que mostra a força da equipe de Manacapuru dentro de casa.

O goleiro Luis Paulo e o volante Toró, campeões com o Princesa em 2013 (ano do único título estadual conquistado pela equipe), fazem parte do elenco de 2020. Artilheiro da equipe no estadual do ano passado com 5 gols marcados, o meia-atacante Thiago Bigo retorna ao time, após disputar a Série B pelo São Raimundo.

A estreia do Princesa do Solimões acontece na quarta-feira (22), às 19h, no estádio Gilbertão, em Manacapuru. O adversário será o Penarol, clube que foi vice-campeão do 1º turno do Barezão de 2019.

Penarol Atlético Clube

Bicampeão amazonense nos anos 2010 e 2011, o Penarol Atlético Clube participa de mais uma edição do Barezão. E quando se trata de Penarol, uma coisa é certa: casa cheia no Floro de Mendonça, estádio do clube em Itacoatiara.

O Leão da Velha Serpa ficou no ‘quase’ ano passado, quando ficou com o vice-campeonato do primeiro turno do Barezão. Este ano, a equipe será comandada por Igor Cearense, que foi campeão treinando o Manaus no ano de 2018.

Para voltar a disputar competições nacionais, o Leão Azul fez uma grande mescla, com jogadores vindos de outros estados, peças remanescentes e também jovens da base. Além disso, o clube conta também com a presença da torcida itacoatiarense, para trilhar um caminho de sucesso em 2020.

A estreia do Penarol acontece na quarta-feira (22), às 19h, no estádio Gilbertão, em Manacapuru. Fora de casa, o clube de Itacoatiara mede forças com o Princesa do Solimões, em busca de seus primeiros pontos na competição.

Fast Clube

Após a conquista do Barezão de 2016, que tirou o time de uma ‘fila’ de 45 anos, o Fast Clube passou perto de levantar a taça, mais uma vez, nos últimos anos.

Em 2018 e 2019, o clube teve de se contentar com as conquistas do primeiro turno do Estadual (ambas sobre o Penarol), o que lhe garantiu em competições nacionais. Porém, contra o Manaus, o Tricolor de Aço amargou dois vices em finais gerais.

Prestes a comemorar 90 anos de existência, o Fast Clube não mediu esforços para montar uma equipe forte. Isso porque além do estadual, este ano o Fast disputa a Copa do Brasil, o Brasileirão - Série D e a Copa Verde. Com elenco qualificado, a equipe comandada pelo treinador Wladimir Araújo aparece como uma das favoritas ao título do Barezão.

A estreia do Fast acontece na quarta-feira (22/01), às 20h, na Arena da Amazônia. O adversário será o Amazonas, campeão da Série B estadual de 2019 e que disputará pela 1ª vez a Série A do Barezão.

Amazonas F. C.

Campeão estadual da Série B em 2019, o Amazonas disputará pela 1ª vez a divisão principal do Barezão. O clube, que ainda irá completar 1 ano de vida, já aparece como um dos grandes favoritos à conquista do título.

Pode-se dizer que a Onça Pintada da Zona Leste nasceu em berço de ouro, investindo pesado em contratações e contando com boa estrutura para alcançar seus objetivos de forma pra lá de precoce. Comandante na conquista do ano passado, Lecheva segue como treinador do clube aurinegro.

No meio de várias contratações, tanto de jogadores locais quanto de outros estados, o clube tem como reforço de maior impacto da temporada o atacante Maikon Leite (ex-Palmeiras e Santos).

A primeira partida oficial do Amazonas na Série A do Campeonato Amazonense acontece na quarta-feira (22/01), às 20h, na Arena da Amazônia. O adversário será o Fast Clube, atual vice-campeão estadual das temporadas 2018 e 2019.

Nacional F. C. 

Quando se fala de Barezão, o Nacional Futebol Clube é especialista no assunto. O Leão da Vila Municipal é o maior campeão da competição, com 43 títulos conquistados. Mas já faz um tempinho que o 'Mais Querido' não levanta essa taça.

Em 2015, Aderbal Lana comandou a ‘Maquinaça’ na conquista do 43º título estadual (foi a 1ª vez que o troféu do Barezão foi levantando na Arena da Amazônia, após duelo contra o Princesa do Solimões). E é sob o comando do treinador mineiro que o clube vai em busca de mais um título.

Após contratações pontuais e contando com boa parte do elenco que foi vice-campeão do 2º turno do Barezão 2019, o Naça aparece como um dos favoritos à conquista do torneio este ano. Além disso, o clube também disputa em 2020 a Série D do Campeonato Brasileiro.

A estreia do Nacional acontece nesta quinta-feira (23), às 20h30, no estádio Ismael Benigno (Colina). O adversário será o Iranduba da Amazônia, semifinalista do 2º turno do Barezão em 2019.

E. C Iranduba

Tentando realizar campanha melhor que no ano passado, quando escapou do rebaixamento na última rodada, o Iranduba da Amazônia aposta no talento local para permanecer mais um ano na elite estadual e, quem sabe, surpreender.

Em 2019, o clube chegou até a semifinal do segundo turno do Barezão. Porém, acabou eliminado após sofrer goleada por 5 a 0 para o Manaus. Em 2020, o elenco foi reformulado, privilegiando os atletas ‘da casa’ (incluindo atletas da própria categoria de base do Hulk), com apenas poucos reforços de fora do estado. Um deles é Thiago Bonfim, volante que foi revelado no Bahia.

O responsável pelo comando da equipe será Charles Guerreiro, treinador que teve passagem pelo futebol amazonense em 2014, quando comandou o Princesa do Solimões na Série D do Brasileirão.

A estreia do Iranduba no Barezão acontece nesta quinta-feira (23), às 20h30, no estádio da Colina. O adversário será o Nacional, maior campeão estadual do Amazonas.


Mais de Acritica.com

20 Fev
WhatsApp_Image_2020-02-20_at_10.28.33_4AA06F86-13D9-4DFA-B021-B55C4DB3CD24.jpeg

Empreendedores aderem ao 'Food Bike’ para driblar a crise financeira

20/02/2020 às 10:38

“Tínhamos outro negócio, encomendávamos doces, e as pessoas de última hora, nos deixavam na mão, foi aí que comecei a aprender a fazer doces, brigadeiros, e como o investimento em bike food é relativamente barato, preferimos este modelo a uma loja física”, explica Sátya Ardaia


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.