Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
Em 'Manacá'

São Raimundo busca primeira vitória no Barezão diante do Princesa

Duelo com o Tubarão pode levar o Tufão a primeiro triunfo no campeonato e, dependendo dos resultados da rodada, à liderança do Grupo B do Barezão 2018



alo.JPG Campeão com o Princesa, Piter volta ao Gilbertão com a missão de levar o Tufão a primeira vitória (Foto: Divulgação/São Raimundo)
03/02/2018 às 12:35

Em mais uma partida noturna no estádio Gilberto Mestrinho - a terceira na história do local -, em Manacapuru (distante 68 quilômetros), às 20h deste sábado (3), o Princesa do Solimões recebe o São Raimundo em um confronto que pode valer até a liderança do Barezão 2018.

Na segunda posição no Grupo A, com três pontos, o Tubarão do Norte pode dormir como líder da chave caso aplique goleada de três gols de diferença sobre o Tufão da Colina. Assim, o time do técnico Alberone Souza se igualaria em número de pontos com o Manaus FC - que só joga amanhã contra o Penarol fora de casa - e ultrapassaria o rival pelo critério de gols marcados.

Por outro lado, o São Raimundo, que hoje ocupa a terceira colocação no Grupo B, com dois pontos, também pode assumir a ponta de sua chave caso vença o Princesa por qualquer marcador. Ainda sem vencer na temporada, o time comandado pelo manacapuruense Marquinhos Piter quer chegar ao primeiro triunfo justamente contra o clube no qual foi campeão estadual em 2013.

“São duas equipes que eu tenho carinho e respeito muito grandes. Mas hoje eu visto a camisa do São Raimundo. A gente precisa da vitória. Ao Princesa fica meu carinho por tudo que conquistei lá”, comentou Piter esperando evolução no futebol do Mundico.

“Estou feliz pela dedicação dos atletas, pelo empenho e a tendência é evoluir e cada vez mais a gente criar uma forma de jogar e nos conhecer mais, porque o São Raimundo é um time novo, que tenho certeza que vai crescer ainda mais”, pontuou o técnico do Tufão esperando voltar de Manacapuru com a primeira vitória no torneio na bagagem.

“Pro jogo com o Princesa eu espero que o time faça uma grande partida que a gente coloque nosso futebol em prática e , se Deus quiser a gente conquiste esses três pontos que é muito importante pra nos dar confiança na busca pela nossa classificação”, concluiu.

Que venha à luz ao Princesa

Se o Tufão não venceu ainda neste Barezão, o Tubarão também não ganhou atuando sob a iluminação do Gilbertão. O valante Toró aponta que o fato não tem nada a ver com os jogos noturnos.

“Jogar à noite não interfere em nada, nós é que estamos complicando. Em alguns momentos nos desligamos do jogo e temos de estar ligados os 90 minutos mais os acréscimos que o árbitro dá”, avaliou o jogador do Tubarão apontando que o Princesa depende apenas de si pra encaminhar a vaga a semifinal do Estadual.

“Está tudo embolado, não tem nada definido. Não dependemos de ninguém, só dependemos da gente e isso é o importante. Mas nos preparamos bem e pra esse jogo é uma nova história”, concluiu Toró.

Ficha técnica:

Princesa:  Darlan; Tico, Elton, João Pedro, Eric e Alberto; Cristiano Natal, Toró e Randerson; Cleber e Negrete. Téc: Alberone Souza.

São Raimundo:  Matheus; Endy, Ediglê, Wellinghton e Palheta; F.Cristiano, Rafinha, Macleison e Dedezinho; Maranhão e Silvio. Téc: Marcos Piter

Estádio: Gilberto Mestrinho, em Manacapuru

Motivo: 3ª rodada do Campeonato Amazonense 2018

Árbitro: Ivan Guimarães Júnior (AM)

Dia e hora: Sábado (3), às 20h.

 

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.