Publicidade
Esportes
DECEPÇÃO

São Raimundo estreia na Série B do Amazonense com derrota na Colina

Torcedores compareceram, mas o Tufão acabou saindo atrás do placar contra o CDC Manicoré e não conseguiu chegar sequer ao empate 05/11/2017 às 20:40
Show whatsapp image 2017 11 05 at 19.18.21
(Fotos: Antônio Lima)
Jéssica Santos Manaus

O CDC Manicoré começou o Campeonato amazonense da série B com vitória de 1 a 0 sobre o time do São Raimundo, com um gol marcado por Joiner logo nos primeiros minutos da etapa inicial. O jogo foi marcado pela falta de criatividade das equipes, que pouco conseguiram criar boas jogadas para chegar ao gol. O São Raimundo buscou mais o ataque, mas a defesa do CDC sempre tirava o perigo, e manteve a vantagem até o fim.  

O placar frustrou os torcedores do São Raimundo, que compareceram em peso na Colina neste domingo, acreditando na vitória do time, já que o Tufão entrou na competição como favorito.

Na segunda rodada da Série B do Barezão, no próximo dia 11, às 16h, o CDC vai enfrentar o Clipper, no Estádio Carlos Zamith, e o São Raimundo enfrenta o Tarumã, na Colina. Ao todo serão cinco rodadas, e os quatro melhores times do Campeonato seguirão para as semifinais.

A partida
O São Raimundo começou a partida no ataque, mostrando certo domínio. Logo aos 4 minutos, através de boa triangulação, Raílson chuta forte quase chegando ao gol.

Mas, o CDC Manicoré logo mostra que está no jogo, tentando chegar no contra-ataque. E aos 7, o CDC teve sua primeira chance pela esquerda, com Gelvane, porém a bola terminou nas mãos do goleiro do São Raimundo, Jonathan.

O CDC seguiu pressionando, e aos 12, numa jogada iniciada pela direita, alçada na área, Joiner Tanque aproveitou, e na segunda tentativa chegou ao primeiro gol do Manicoré. 1 a 0. 

Somente aos 20 minutos do primeiro tempo o São Raimundo despertou, e quase chega ao gol através de Charles, mas a bola parou nas mãos do goleiro do CDC, Douglas.

O Tufão seguia buscando o empate. Aos 22, Raílson  perdeu dentro da pequena area uma chance incrível de igualar o placar, desperdiçando nas mãos de Douglas.

Aos 36, apesar de um certo domínio, o São Raimundo continuava sem muita inspiração. E, por mais que o Tufão tentasse, a zaga do CDC afastava o perigo.

Segundo tempo de jogo, e o São Raimundo começa no ataque. Aos 5 minutos,  o Tufão quase chega ao gol com Toró, mas a zaga do CDC mais uma vez conseguiu chegar e tirar a bola do perigo.

Até os 20 minutos do segundo tempo, o jogo se prendeu à marcação no meio de campo, as duas equipes continuavam sem criatividade.

A partir daí o São Raimundo demonstrou mais volume de jogo, chegando com perigo na área do adversário, ae, apesar dos esforços, não conseguia chegar ao gol.

Aos 40, mais uma boa jogada desperdiçada, dessa vez pelo camisa 9, Branco, que chutou à direita do goleiro.

E, ao apagar das luzes, boa jogada pela esquerda, tendo o Romarinho do Tufão chutado a bola na trave.

Publicidade
Publicidade