Domingo, 23 de Janeiro de 2022
LIDERANÇA

Segue o líder! 3B vence o JC e segue 100% no Barezão Feminino 2021 

Cássia, Vilma e Lívia garantiram o 3 a 0 das Feras da Amazônia. Tigresas do Norte caem para a terceira posição



78fa008a-abe3-4488-b0ba-2c995fffabb3_38615CA6-7E24-4196-8673-812FD750163C.jpeg Foto: João Normando/FAF
08/12/2021 às 19:00

Em jogo que colocou frente a frente as duas equipes com 100% de aproveitamento do Barezão Feminino 2021, o 3B levou a melhor sobre o JC, pelo placar de 3 a 0. A partida aconteceu nesta quarta-feira (8), no CT da Fera. 

Anotaram os gols da partida: Cássia, logo no primeiro minuto de jogo; Vilma, em um rebote após trombada de Paulinha com a goleira do Tigre; e Lívia, que 'fechou o caixão' após um bate-rebate com a goleira adversária. 



Com o resultado, a equipe do 3B segue líder absoluta da competição, com 15 pontos. Já o JC estacionou com 9 pontos e viu o rival Penarol - que venceu o Iranduba em Itacoatiara por 2 a 1- roubar a segunda posição na tabela, com um ponto a mais. 

As equipes voltam a campo já no próximo fim de semana. Na ponta da tabela, as Feras visitam o Penarol, às 15h de sábado (11), no estádio Floro de Mendonça, em Itacoatiara. No mesmo estádio, o JC recebe a equipe do Recanto, às 15h de domingo (12). 

Gol relâmpago

Logo após o apito inicial, o 3B começou a impor um ritmo de jogo muito forte nas adversárias. A blitz logo mostrou resultado: no primeiro minuto de jogo, a atacante Cássia, em lance individual de muita habilidade, carregou a bola desde a intermediária e, mesmo com a marcação adversária, conseguiu driblar a goleira Lorrana e abrir o placar. 

O gol precoce condicionou o comportamento dos times em campo. O JC buscava subir as suas linhas de marcação, tentando surpreender as Feras da Amazônia na saída de bola. No entanto, os blocos altos favoreceram o esquema de jogo armado pelo treinador Bosco, que em jogadas de ultrapassagem pelos flancos, levavam quase sempre perigo ao gol do time Itacoatiarense. 

Feras letais

A primeira finalização do JC aconteceu somente aos 12 minutos, com Pipoca. A meia percebeu a goleira do 3B adiantada e tentou surpreendê-la, com um chute de fora da área. Contudo, o arremate saiu torto. Era o momento em que as Tigresas buscavam equilibrar o jogo, mas no lance seguinte, as mandantes conteram o ímpeto adversário e foram às redes. 

Em jogada trabalhada, que passou de pé em pé por todos os setores, a atacante Paulinha escapou da marcação e, cara a cara, acabou trombando com a goleira do JC, que caiu com o choque. Na sequência, a bola sobrou limpa para Vilma, que finalizou para o fundo do gol. 2 a 0 em menos de 15 minutos. 

Encerrando a contagem

Já perto do fim do primeiro tempo, o 3B balançou as redes novamente, mas não valeu. Após um abafa promovido pelas mandantes, a bola sobrou na entrada da área para a camisa 10, Maria Vitória. Ela dominou e bateu com categoria, mas Lorrana se esticou e fez bela defesa. A bola acabou explodindo no travessão, nos pés da oportunista Vilma, que em posição de impedimento, finalizou para o gol. 

Já aos 37 minutos de um segundo tempo mais amarrado, veio o terceiro gol das Feras da Amazônia. Vilma recebeu bola na ponta direita de ataque e deu ótimo passe em diagonal para Livia, que deu um leve toque para finalizar. Lorrana chegou a defender, mas a bola rebateu na própria Livia e morreu dentro do gol.

João Felipe

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.