Publicidade
Esportes
ANTES DA RIO 2016

Seleção Brasileira de GR disputa Copa do Mundo na Espanha

As ginastas brasileiras estão em Guadalajara na Espanha, na forte competição antes dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. 02/06/2016 às 12:08
Show 0c619ea4 8cf5 4d32 bbca cb4547f29a55
Brasil conquistou o ouro nos Jogos Pan-Americanos de Toronto, em 2015. (Foto: Reprodução / Web)
acritica.com

O Brasil segue firme no treinamento para as Olimpíadas do Rio de Janeiro, dessa vez, na Ginástica Rítmica. Depois de passarem por Minsk, na Bielorrússia, e por Sófia, na Bulgária, para Copas do Mundo, as brasileiras estão em Guadalajara, na Espanha, para mais uma etapa dessa forte competição. O desafio em terras espanholas será no Pavilhão Multiusos de Guadalajara e terá as classificatórias realizadas nesta sexta-feira (3) e sábado (4), com aproximadamente 200 ginastas inscritas. As oito melhores em cada aparelho avançam às finais de domingo (5).

Ao todo, serão quase trinta dias de preparação fora do Brasil, antes dos Jogos Olímpicos, que iniciam no dia 4 de agosto, no Rio de Janeiro. A ginasta, Gabrielle Moraes, bronze com o conjunto na Copa do Mundo de Minsk, na Bielorrússia, em 2013, destaca a experiência de treinar e competir ao lado das melhores equipes do mundo "Essas competições são importantes para ganharmos cada vez mais confiança dentro de quadra. A cada etapa de Copas do Mundo que participamos temos a chance de mostrar o nosso trabalho e conseguirmos notas ainda melhores, sempre visando o nosso objetivo maior, que são os Jogos Olímpicos", explicou a paranaense de 19 anos.

Companheira de Gabrielle na Seleção de Conjunto, Morgana Gmach também destacou o forte trabalho que vem sendo feito pela equipe e as expectativas para a Copa do Mundo da Espanha. "Nós temos participado de muitas competições, os treinos estão intensos e temos tudo para crescermos ainda mais. Na etapa de Guadalajara não queremos ter falhas nas séries. O nosso objetivo é melhorar o nosso desempenho, aumentar as nossas notas e, claro, ir para a final", destacou a ginasta.

Pelo individual, a técnica de Natália Gaudio, Monika Queiroz, disse estar feliz com os resultados que estão sendo alcançados pela brasileira e que a tendência é que as apresentações melhorem ainda mais. "Esse período na Europa está sendo uma excelente oportunidade para intercâmbio de conhecimento, novas vivências e também para informações sobre o próximo ciclo. As notas da Natália estão cada vez maiores. Estamos satisfeitas com os resultados", encerrou a experiente treinadora.

Fonte: Site Oficial da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG)

Publicidade
Publicidade