Publicidade
Esportes
Craque

Show de prova: Vila Olímpica recebe as 4 Horas de Corrida Revezamento neste sábado (15)

Prova por equipes de oito ou quatro atletas ocorre na pista oficial de atletismo do complexo esportivo. Serão quase mil atletas no evento que coloca os participantes no espírito olímpico a menos de um anos da rio 2016 14/08/2015 às 18:28
Show 1
Prova de revezamento promete levar quase mil atletas para a pista de atletismo da Vila Olímpica de Manaus.
Denir Simplício Manaus (AM)

Semanas de treinamento, horas de esforço e suor derramado, além do trabalho em grupo serão colocados à prova hoje, à partir das 17h, na pista de Atletismo da Vila Olímpica de Manaus. Será dada a largada para uma das provas de equipe mais empolgantes e disputadas do Brasil, as 4 Horas de Corrida - Revezamento Amazonas 2015.

A prova de revezamento por equipes é realizada pela Federação Desportiva de Atletismo do Estado do Amazonas (FEDAEAM)  e contará com a participação de mais de 140 times já confirmados, sendo que as inscrições para os chamados octetos (equipe com oito corredores) foram completamente esgotadas rapidamente. Outros 40 quartetos também estarão na disputa, além de 23 outros participantes individuais, que correrão as quatro horas da prova sozinhos. No total serão quase mil corredores no circuito dando um verdadeiro espetáculo de sincronia e esforço físico.  

Palco olímpico

É o retorno da prova ao palco que mais empolga os amantes das corridas. Em 2014, as 4 Horas -  Corrida Revezamento aconteceu na Pista de Arrancadas do Iranduba, na Zona Metropolitana de Manaus. Este ano a Endurance Sporting Consulting trouxe o evento para a ideia original da prova, que é envolver os participantes no espírito do Jogos Olímpicos. E não há palco mais adequado do que a pista oficial de Atletismo da Vila Olímpica de Manaus. 


O celeiro de atletas de ponta, que recebe promessas e corredores já consagrados, receberá de braços abertos os participantes das 4 Horas. Vale lembrar que as equipes com oito participantes, obrigatoriamente, contará com a participação de duas mulheres. Nos quartetos, ao menos uma mulher terá de fazer parte do time.

Primeiro as damas

A prova, que distribuirá o total de R$ 6 mil em prêmios para os três primeiros colocados de cada categoria, terá uma mudança em relação às edições anteriores: as mulheres estarão no pelotão de frente das 4 Horas de Corrida - Revezamento Amazonas. Tanto nos octetos como nos quartetos as damas serão as primeiras a largar, sendo assim, responsáveis pelo bom aproveitamento de suas equipes. Para a corredora Karla Lins a responsabilidade será dividida entre ela e outras cinco atletas. É que sua equipe é formada por seis mulheres e apenas dois homens.

“É uma prova muito esperada e comentada por todos. É o ápice das corridas e nos preparamos muito bem”, disse a corredora que treina três vezes por semana ao menos uma hora e meia por dia.

“Procuramos fortalecer a parte física mudando de terreno para que não sejamos surpreendidos ou que soframos alguma lesão na hora da prova. Acredito que está tudo bem pra corrida de amanhã (hoje)”, avalia Karla Lins, que deve ser a primeira na hora do tiro de partida das 4 Horas. 


Vale ressaltar que, nos octetos cada atleta correrá meia hora de prova. Ao final, o oitavo participante encerra o revezamento. Para os quartetos o tempo de cada corredor na pista é de uma hora. Em falar em revezar, o momento chave da prova é justamente a troca do bastão, que na verdade é o chip que cada atleta carrega no tornozelo. 

Portanto, além de ter bom preparo físico, as equipes que disputarão as 4 Horas também têm de estar sincronizadas para, no fim da prova, obterem um bom tempo. Então é correr e curtir o espetáculo. 


Publicidade
Publicidade