Publicidade
Esportes
Craque

Taça Clayton He-Man, que acontece domingo, homenageia zagueiro 'cult' na Internet

O torneio, que reunirá oito equipes formadas pelos “curtidores” da fan page "Barezão da Depressão", será realizado neste domingo (14), a partir das 9h no Golden Gol. O próprio He-Man vai entregar a taça ao campeão 13/12/2014 às 15:05
Show 1
He-Man (com a bola) em ação pelo Operário
camila leonel Manaus (AM)

Quem pensou que a “Taça Clayton He-Man” era apenas mais uma zoeira da página “Barezão da Depressão” (fan page que faz sucesso entre os torcedores amazonenses no Facebook), se enganou. O torneio, que reunirá oito equipes formadas pelos “curtidores” da página, será realizado neste domingo (14), a partir das 9h no Golden Gol, localizado no bairro Adrianópolis, Zona Centro-Sul da cidade.

O nome da competição é uma homenagem ao volante Clayton He-Man, que recentemente defendeu o Operário de Manacapuru na Segunda Divisão do Amazonense. Ele é de longe o atleta mais “zoado” pela torcida baré. O jogador entrou na brincadeira e disse que vai entregar a taça ao time vencedor.

De acordo com Marcelo Serudo, administrador do “Barezão da Depressão”, a intenção desde o início era fazer um torneio entre os curtidores da página, mas as pessoas só levaram o torneio a sério quando foram publicados o regulamento e a ficha de inscrição.

Sobre a escolha de He Man para batizar a Taça, Serudo explica: “o nome do Clayton foi de longe o mais citado, hostilizado e até mesmo elogiado na internet nesse ano de 2014; hoje o He-Man é um símbolo da zoeira amazonense, nada mais justo que batizar o nosso toneio de Taça Clayton He Man”, justificou.  Apesar do clima de “brincadeira”, tem muita equipe levando a competição a sério.

O time ”Bucheiros 1918”, formado por torcedores do São Raimundo, treinou muito para representar o Tufão da Colina. “Vamos honrar o nome do  São Raimundo. Além da confraternização das torcidas do Barezão, queremos o título”, destacou Ítalo Brandão, capitão do time. Outra equipe que competirá no domingo é o “Naçarrando”, formada por fanáticos pelo Nacional.

“Esperamos ‘sarrar/ganhar’ dos nossos adversários”, contou Suê Feitoza, comandante do time. Apesar da rivalidade entre as torcidas, Marcelo Serudo disse que o objetivo é valorizar o futebol local. Tanto que no Artigo 9° do regulamento da competição está previsto que “é terminantemente proibido comparecer ao evento utilizando camisas de clubes não amazonenses. É sério, vamos expulsar. Tá avisado”.

Levando na esportiva
Quando desembarcou no Amazonas para jogar no Cepe Iranduba, em 2009, o paranaense Clayton da Silva não imaginava o sucesso que iria fazer no futebol baré. O apelido He-Man, logo surgiu. “Um torcedor gritava na arquibancada ‘He Man’ por causa das minhas características físicas. Logo o apelido pegou”.

Clayton disse que leva as brincadeiras na esportiva e até acompanha a página Barezão da Depressão, que sempre faz piadas a seu respeito. Ele viu as primeiras postagens sobre a Taça que leva o seu nome e, no começo, pensou que era tudo brincadeira. Só a partir do momento em que Serudo ligou para ele, que o zagueiro acreditou na homenagem curiosa

Sobre a homenagem, He-Man diz que se sente importante. “Eu me sinto com moral aqui no Amazonas porque isso mostra que pelo menos eu sou lembrado e fico feliz por isso. O torneio vai ser legal e estarei lá entregando a Taça para o campeão”. Ah se todos os desportistas tivessem o senso de humor dele!

Publicidade
Publicidade