Sábado, 30 de Maio de 2020
PROMESSA

Talento 'baré', Raimar fala sobre as expectativas para 2020 na base do Athletico-PR

Canhoto é visto como uma das principais promessas das categorias de base do Furacão. Meia também foi convocado para uma semana de treinos com a Seleção Brasileira Sub-17



raimar_1_F8248D0A-A98F-4BB3-93D6-884CF13D4089.jpg Foto: Divulgação
02/03/2020 às 09:18

É de Manaus um dos maiores talentos do Centro Administrativo e de Treinamentos do Caju (CAT do Caju). No complexo de formação de jogadores do Athletico-PR, o ‘Furacão’ tem sotaque manauara e nome diferenciado: Raimar Rodrigues Lopes. Com 17 anos de idade, o meia treina - e por que não, sonha? - para ser o que muitos garotos brasileiros almejam a cada vez que marcam um gol ou vestem a camisa de algum craque ou ídolo.

Depois de iniciar a ‘caminhada’ nas escolinhas oficiais do Flamengo e do Santos, em Manaus, o garoto partiu para a capital paranaense, onde jogou pelo Coritiba durante oito meses e pelo Paraná, por dois anos. O terceiro passo foi ao Athletico-PR, atual bicampeão estadual e campeão da Copa do Brasil. Em 2018, o garoto também foi convocado para uma semana de treinos com a Seleção Brasileira da categoria Sub-17



Querendo saber um pouco mais da ‘missão’ do garoto manauara para alcançar o time de cima e, consequentemente, a realização do sonho de ser jogador, o CRAQUE falou com Raimar sobre as expectativas para 2020. O meia detalhou o período de treinos com a Seleção Brasileira, a adaptação ao Sul do país e as expectativas para a temporada. As metas a longo prazo já estão estabelecidas: “Quero jogar na Europa, chegar à Seleção Brasileira principal e ser um dos melhores na minha posição”, declarou o manauara. 

A chegada a Curitiba

Morar em uma nova cidade é sempre um desafio, não importa a idade. Mas quando se é adolescente, a adpatação pode ser ainda mais difícil. Nos casos de atletas que vão tentar construir uma carreira como jogador de futebol, a presença dos familiares é fundamental. Foi o que aconteceu para Raimar ‘se sentir em casa’ em Curitiba.

“Já estou bem acostumado, vai fazer quatro anos que estou aqui, me adaptei à cultura e ao clima. E tem sido muito importante estar com meus familiares. É um incentivo a mais que tenho todos os dias”, contou o meia, que acertou ida para o Athletico-PR no primeiro semestre do ano passado. 


Manauara de 17 anos chegou ao Athletico no primeiro semestre de 2019. Foto: Acervo pessoal

Como ídolo e inspiração, a resposta mais fácil: Cristiano Ronaldo. Além de quebrar recordes e números dentro de campo, o português é admirado pelo que faz fora dele, seja pela ‘paixão’ ao treino e ao preparo ou pela autoconfiança. Algo visto em Raimar quando foi perguntado sobre as principais características em seu jogo. “Tenho um ótimo chute de fora da área, bom passe, velocidade e visão de jogo. Além disso, tenho como referência o Cristiano Ronaldo”, destacou o atleta.

Oportunidade 'em cima'

A melhor notícia pelo Athletico-PR veio no início deste ano - mais precisamente, na primeira rodada do Campeonato Paranaense. Tradicionalmente usando o time de aspirantes (Sub-23) no Estadual, o Furacão convocou alguns jogadores das categorias de base para a partida contra o União Beltrão-PR. E Raimar foi um dos 20 atletas - o mais novo entre todos.

“Já comecei o ano me dedicando e fui recompensado indo para o jogo do profissional, e isso me mostra que estou no caminho certo. No restante do ano vou me dedicar mais ainda para alcançar outros objetivos”, afirmou o meia do Sub-20 da equipe rubro-negra.

Vale lembrar que o Athletico é um dos times que mais revela jogadores para o futebol brasileiro. Na campanha do título da Copa do Sul-Americana, em 2018, Leo Pereira, Renan Lodi e Bruno Guimarães - formados no CAT do Caju - foram fundamentais. “É algo que motiva, mostra que eles valorizam a base e que tenho que estar preparado quando a oportunidade aparecer, porque ela vai aparecer”, ressaltou o menino Raimar.

Raimar esteve com a Seleção Brasileira Sub-17 para período de testes. Foto: Acervo pessoal

Convocação

O talento de Raimar é tanto que, em 2018, o manauara foi convocado para um período de treinamentos com a Seleção Brasileira Sub-17. A experiência foi vista como especial pelo manauara.

“Foi um aprendizado enorme, fundamental para minha evolução. Tenho aprimorado tudo o que aprendi”, concluiu o meia, que quer mais em 2020.

News leonardo 9028af08 26fb 4271 b322 4409cded8370
Repórter do Craque
Jornalista em formação na Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e repórter do caderno de esportes Craque, de A Crítica. Manauara fã da informação e que procura aproximar o leitor de histórias – do futebol ao badminton.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.