Sexta-feira, 18 de Outubro de 2019
Craque

Técnico do Fogão, Oswaldo de Oliveira fala com o CRAQUE e garante que ninguém vai desistir

Apesar da acachapante derrota na última quarta-feira, quando o time caiu diante do Cruzeiro por 3 x 0 no Mineirão - e viu o líder abrir sete pontos de vantagem -, nada parece tirar o ânimo do comandante



1.jpg Treinador ressalta que o clima é de muita paz em General Severiano
21/09/2013 às 13:05

O velho ditado do futebol diz que um grande time começa com um grande goleiro. Isso o Botafogo já tem faz tempo: Jefferson, da Seleção Brasileira. O que faltava mesmo era um grande comandante, fora das quatro linhas, com capacidade de liderar o time da Estrela Solitária em direção a grandes conquistas. Oswaldo de Oliveira, que já sofreu e muito com a desconfiança da torcida se tornou esse “cara” do Botafogo. Depois do início de ano tumultuado ele levou o time ao título do Campeonato Carioca, está nas quartas de final da Copa do Brasil (onde enfrenta o Flamengo na quarta-feira) e mantém a vice-liderança do Campeonato Brasileiro.Apesar da acachapante derrota na última quarta-feira, quando o time caiu diante do Cruzeiro por 3 x 0 no Mineirão - e viu o líder abrir sete pontos de vantagem -, nada parece tirar o ânimo do comandante que falou com exclusividade com o CRAQUE.“Já vimos muitas situações dessa (de o rival ter grande vantagem ) acontecer no passado. Passei por isso duas vezes no Japão até. Em dois títulos nos anos que fomos tricampeões. Num deles tiramos diferença de 12 pontos, no outro tínhamos diferença grande, a perdemos, mas depois recuperamos e ganhamos cinco seguidas, sendo tricampeões. Acontece e nós vamos acreditar até o fim”, disse Oswaldo de Oliveira.

Receita



Para retomar o caminho das vitórias o Botafogo enfrenta hoje às 15h (horário de Manaus), o Bahia, no Maracanã. Para o treinador, a força do conjunto combinada aos valores individuais são alguns dos segredos do sucesso do Botafogo na temporada. “É um trabalho conjunto entre jogadores, comissão técnica e diretoria. O trabalho desenvolvido por todos os profissionais de futebol do Botafogo é motivo de orgulho e pode ser usado como referência para outros clubes”, orgulhou-se Oswaldo.

Carismático e com o grupo nas mãos, o treinador botafoguense reafirma a importância de Seedorf diante do grupo – apesar do vacilo do holandês que desperdiçou um pênalti contra o Cruzeiro. “Seedorf é um líder dentro e fora de campo. É um prazer enorme trabalhar com um profissional do gabarito dele. Ele está agregando muito ao futebol do Botafogo e no futebol Brasileiro”, elogia.

Renovação

 Oswaldo reconhece, também, que o trabalho de renovação no clube já surte efeitos positivos dentro de campo. “O Botafogo não recebe os mesmos investimentos que as principais equipes do Brasil recebem, mas trabalhamos forte para superar todos os desafios que apareceram nessa temporada. O trabalho de base desenvolvido no Botafogo é exemplar e tenho prazer em fazer parte desse processo de renovação”, comenta. O resultado deste trabalho aliás, veio a galope com a revelação e venda de Vitinho para o futebol russo. Logo na sequência, o técnico ainda lançou Hyuri no time principal, fazendo com que a torcida não sentisse assim tanta saudade do agora jogador do CSKA.

Bons ventos

 O Botafogo vive um momento muito bom no Brasileiro e a paz reina, mas o clima já esteve conturbado em agosto, quando a esposa de Oswaldo, Jeniffer Setti, usou o Facebook dela para reclamar dentre outras coisas, dos salários atrasados no clube e da injustiça da torcida e da imprensa para com o treinador. “Isso ficou no passado”, assevera o treinador. Oswaldo diz que não há prioridade entre Brasileirão e Copa do Brasil. Para ele, ambas as competições são importantes e servem de vitrine para a “Máquina Gloriosa” que se estabeleceu com o atual elenco. “A prioridade é vencer sempre. Vamos dar nosso máximo em campo para buscar as vitórias tanto na Copa do Brasil quanto no Brasileirão”, finalizou. 



Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.