ATLETA BARÉ

Tenista Bia Rodrigues viaja para disputar circuito Sul-Americano se tênis

Atleta de 12 anos disputará torneios na Colômbia, Equador e Peru

Camila Leonel
13/01/2022 às 13:38.
Atualizado em 08/03/2022 às 16:04

(Bia Rodrigues (de branco), após torneio em que ela disputou em Fortaleza, quando venceu no individual e nas duplas 14 anos. Foto: Divulgação)

A tenista amazonense Bia Rodrigues viajou na manhã desta quinta-feira (13) rumo a Cali, na Colômbia, onde terá o primeiro de três desafios no Circuito Sul-americano de Tênis, o Cosat. A competição começa no dia 15 de janeiro e vai até o dia 22.

Além do Cosat em Cali, Bia disputará o Guayaquil Bowl, no Equador, entre os dias 22 e 29 de janeiro, além do Regatas Bowl, que acontecerá no Peru, no dia 29. Em todas as competições a tenista, que completou 12 anos em dezembro, disputará torneios que envolve atletas de 14 a 16 anos. Jogar com atletas mais velhas é algo que ela já vinha fazendo desde o ano passado no circuito nacional da modalidade.

De acordo com o técnico de Bia, Agnaldo  Nascimento, a preparação para a disputa das competições Sul-Americanas vem desde o ano passado com uma pré-temporada forte no mês de dezembro.

"Tudo iniciou em dezembro depois que nós voltamos da Europa, onde ela jogou na academia do Rafael Nadal [tenista espanhol, ex-número 1 do mundo] onde ela foi campeã de duas categorias: 12 e 13 anos e,na sequência, ela jogou o torneio Teen Europe com meninas de 14 anos, onde ela jogou muito bem, mas não conseguiu a vitória", relembrou o treinador. "De volta, seguimos para os treinamentos de manhã e de tarde. Nós fizemos uma pré-temporada muito boa em dezembro", completou.

Além dos fortes treinamentos, Bia finalizou a preparação disputando o Circuito Rota do Sol, etapa de Fortaleza. Na competição, a tenista conquistou dois títulos: Feminino Simples e Duplas - com a potiguar Giovanna Diniz - , ambas na categoria de 14 anos.

Para Agnaldo, o último teste antes do embarque para as competições internacionais, demonstrou que Bia está pronta para fazer bonito nas quadras sul-americanas.

"Na Rota do Sol o desempenho dela foi o esperado. Nós treinamos muito forte e, durante toda a competição, ela só perdeu três games em três jogos que ela fez.  Então foi muito legal e ela desempenhou todo o papel que foi treinado, a concentração, a postura e toda a capacidade de aceleração e desaceleração de corridas com movimentos técnicos com perfeição mostrando que tá preparada para brigar no Sul-Americano e só Deus sabe o que vai acontecer", avaliou.

Já a atleta diz que se sentiu pronta na primeira competição do ano e acredita que fará bons campeonatos pela frente.

"Me sinto bem e espero que Deus me dê a vitória em todos os torneios que eu for participar.  No torneio de Fortaleza me senti muito bem e foi muito legal. Agradeço a Deus por ele ter me dado a vitória", declarou.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por