Terça-feira, 17 de Setembro de 2019
Craque

Tite diz que gramado sintético ajudou na derrota para o Tijuana

'A bola fica viva. Fica muito difícil fazer duas ou três triangulações, quem está adaptado tira vantagem', disse o técnico



1.jpg Treinador culpou o gramado sintético pela derrota
07/03/2013 às 09:20

A primeira derrota do Corinthians na Libertadores levou o técnico Tite a por culpa no local do jogo. A grama sintética do estádio Caliente, no México, foi a justificativa para a derrota do clube brasileiro para o Tijuana, por 1 a 0, na noite desta quarta.

Na entrevista coletiva após o jogo, Tite foi direto e afirmou que o Tijuana levou vantagem por estar adaptado ao gramado.

“A bola fica viva. Fica muito difícil fazer duas ou três triangulações, quem está adaptado tira vantagem”, explicou o técnico.

Fim da série invicta

Após 16 jogos sem perder na Libertadores, o Corinthians teve um ponto final na série invicta. A derrota para o Tijuana não só quebrou a série do atual campeão da competição como fez o time brasileiro a ficar distante dos mexicanos. Com a vitória, o Tijuana dispara na liderança, com nove pontos, já o Timão é o segundo do Grupo G, com quatro pontos.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.